Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

IMÓVEIS


27/11/2016 - 00:00

5 dicas para quem vai usar o 13º para reformar a casa

Focar nas prioridades, pesquisar materiais e fazer um cronograma são algumas delas
Por Redação
Osasco

(gracielazabotto@webdiario.com.br)
 
Muita gente espera a chegada do 13º salário para fazer aquela reforma que foi sendo adiada durante o ano todo. Para aproveitar cada centavo do precioso salário, o gerente de projetos da REHAU no Brasil, Maiquel de Carvalho, separou cinco dicas para facilitar o planejamento da reforma.
 
1 – Foque em Prioridades
Muitas vezes as pessoas acabam não concluindo uma reforma porque querem fazer tudo de uma só vez. É importante definir o que precisa ser feito primeiro ou, no caso de uma reforma em toda a casa, definir diferentes etapas dividindo o processo por cômodos. Assim a probabilidade de que uma obra seja feita pela metade ou não seja concluída diminui consideravelmente. Quando há essa divisão, também é possível melhorar o controle do material que será gasto, além de facilitar a definição de prazos e valores para mão de obra.
 
2 – Faça um cronograma
Na maior parte das vezes a obra é realizada com as pessoas morando naquele ambiente, portanto, definir datas e prazos de finalização minimiza a probabilidade de que os profissionais levem mais tempo que o planejado para executar suas tarefas. Nessa hora vale criar uma agenda e deixar a programação da reforma disponível visualmente para que todos os envolvidos estejam sempre atentos e atualizados.
 
3 – Procure por indicações de profissionais
Contar com profissionais indicados por amigos e família aumenta as garantias de que o resultado sairá conforme o esperado, além de diminuir as chances de ter a obra interrompida. Também é importante conhecer o ‘portfolio’ de cada profissional a ser contratado. Um bom marceneiro, por exemplo, é imprescindível para que os móveis do espaço tenham acabamento de alto padrão.para mão de obra.
 
4 – Pesquise materiais
Atualmente existem diversos tipos de materiais que podem dar cara nova para o ambiente sem a necessidade de quebra-quebra e com economia. É o conceito retrofit, que já se difundiu pelo País afora e consiste em adaptar, customizar, melhorar ou modernizar espaços/objetos.  No caso de banheiro e cozinha, por exemplo, é possível utilizar adesivos para dar toques de cor.
 
5 – Reúna referências
Para não ter decepções e nem desperdícios, é sempre bom buscar referências do que se quer fazer. Aplicativos como o Pinterest, por exemplo, são ótimas opções para reunir imagens de referência e auxiliar os profissionais envolvidos a chegarem o mais próximo possível da ideia inicial que foi proposta.
 
WEBDIARIO


Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style