Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

Saúde


12/05/2017 - 00:00 - Atualizado em 12/05/2017 - 00:00

Ciclismo ajuda perder calorias, mas também pode causar lesões

Pedalar é uma atividade esportiva que pode ajudar quem busca qualidade de vida ou perder alguns quilinhos
Por Da redação
Região

(cotidiano@webdiario.com.br)

O ciclismo é uma atividade esportiva que pode ajudar bastante quem busca mais qualidade de vida ou quer perder alguns quilinhos. Afinal, pode queimar até 20 kcal por minuto. Mas também pode causar prejuízos ao praticante se alguns cuidados essenciais não forem observados. É o que alerta o ortopedista Bruno Rezende, membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. Segundo ele, a postura do ciclista e até mesmo as posições incorretas das articulações, dos pedais e dos bancos podem causar lesões imediatas ou a longo prazo, que podem inviabilizar futuramente a prática do esporte e a qualidade de vida do praticante.

“É necessário, como toda atividade física, uma supervisão que respeite os limites de cada indivíduo”, explica. O médico orienta que é necessário que todos os membros inferiores (joelhos e tornozelos) estejam nivelados com o ciclo. Ele aponta ainda para a posição do guidom e dos pedais, que deve estar bem ajustada. No caso dos joelhos, especificamente, não podem se estender completamente e o ideal é que o ângulo não passe dos 75 graus. “Qualquer membro desses que esteja mais aberto ou fechado pode prejudicar o desempenho e ainda causar lesões”, lembra.  “Nos mínimos sinais de dor, o paciente precisa buscar imediatamente um especialista. Quanto mais cedo tratar, mais rápida será a recuperação”, completa. Bruno Rezende explica que o tratamento varia desde a orientação de treinos, ajuste da bicicleta, trabalho de reequilíbrio muscular, até repouso e fisioterapia . “Em alguns casos, tratamento cirúrgico por vídeo é inevitável”, diz.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style