Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017

Polícia

04/08/2017 - 00:00 - Atualizado em 04/08/2017 - 00:00

Contrabando causa prejuízo de R$ 5bi

Valor deixou de ser arrecadado com tributos no Estado
Por Da redação
Estado

(cotidiano@webdiario.com.br)

Entre janeiro e junho desse ano, o contrabando causou um prejuízo de R$5 bilhões aos cofres públicos do Estado de São Paulo. Esse é o valor que deixou de ser arrecadado com tributos devido a essa atividade criminosa. O dado foi apresentado em evento do Movimento em Defesa do Mercado Legal Brasileiro, formado por cerca de 70 entidades representantes de setores afetados pela ilegalidade no Brasil, na última quinta-feira, para marcar o Dia Estadual de Combate ao Contrabando. Já o levantamento é da Associação Brasileira de Combate à Falsificação (ABCF). O setor que mais encarou prejuízo foi de cigarros, com evasão de R$ 1,6 bilhão em 2017. Na sequência aparecem autopeças (R$ 500 milhões), produtos eletroeletrônicos (R$ 400 milhões), confecções (R$ 250 milhões), bebidas (R$ 240 milhões), material elétrico (R$ 175 milhões), setor ótico (R$ 125 milhões), produtos de luxo (R$ 120 milhões), ferramentas (R$ 50 milhões) e outros setores (R$ 1,54 bilhão). No caso dos cigarros,  o Estado é responsável pela venda de 33% de todos os contrabandeados – vindos do Paraguai -  comercializados no país, uma atividade que, segundo a ABCF, é controlada por quadrilhas de criminosos como o Primeiro Comando da Capital (PCC). O mercado ilegal representa 44% do total de cigarros vendidos no estado. 

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style