Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

Política


08/08/2017 - 00:00 - Atualizado em 08/08/2017 - 00:00

Lindoso falta à sessão e Câmara adia votação do Bilhete Único

Por problemas de doença na família, vereador não foi trabalhar. Parlamentares optaram por adiar votação para quinta-feira, após retorno de Lindoso
Por Leonardo Abrantes
Osasco

Lindoso falta à sessão e Câmara adia votação do Bilhete Único

Lindoso falta à sessão e Câmara adia votação do Bilhete Único (Foto: Luciano Benazzi)
(política@webdiario.com.br)

Esperado para ser votado na sessão desta terça-feira, a proposta de criação do Bilhete Único em Osasco foi novamente adiada. Ela deve ser discutida em plenário ainda nesta semana. Os vereadores acharam melhor suspender a votação porque o presidente da Câmara, vereador Lindoso, não pode comparecer por problemas familiares. Uma pessoa de sua família teria passado mal.

Protocolado na Câmara Municipal de Osasco, em março, o projeto de lei de autoria do vereador Ni da Pizzaria (PODE) entrou na pauta de votação pela primeira vez na sessão ordinária do dia 4 de agosto. Por falta de quórum, não foi votado. Deve ser analisado, possivelmente, na quinta-feira, 10.

Ni acredita que terá apoio unânime dos parlamentares e do prefeito Rogério Lins (PODE). A proposta faz parte do plano de governo de Lins. De acordo com Ni, a implantação do Bilhete Único deverá favorecer 200 mil pessoas em Osasco. Pelo projeto, o Bilhete Único osasquense dará ao passageiro o direito de usar “quantas conduções quiser no período de duas horas”, contada a partir da primeira viagem pelo preço de uma passagem.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style