Terça-Feira, 22 de Agosto de 2017

Esportes


09/08/2017 - 00:00 - Atualizado em 09/08/2017 - 00:00

Atacante Wesley Bolinha deixa Audax

Ele vai reforçar Oeste, em Barueri, na Série B do Brasileiro
Por Leonardo Abrantes
Osasco

Wesley Bolinha deixa Audax

Wesley Bolinha deixa Audax (Foto: Luciano Benazzi)
(esportes@webdiario.com.br)

Um dos poucos pontos positivos do Audax na Copa Paulista, o jovem atacante Wesley Bolinha não disputará mais a competição. Aos 19 anos, ele reforçará o Oeste na Série B do Campeonato Brasileiro. A intenção da diretoria osasquense é dar mais visibilidade ao jogador. Outra joia das categorias de base do Audax, o também atacante Pedrinho, de 18 anos, seguirá o mesmo caminho. Os dois, inclusive, já treinam com o elenco do Rubrão.

Destaque na última Copa São Paulo, Wesley Bolinha demorou a ganhar uma oportunidade no time profissional, principalmente, por problemas extracampo. Com a bola nos pés, porém, ele rapidamente se transformou em referência para o time de Máercio Zeferino. A estreia aconteceu contra a Internacional de Limeira. No jogo seguinte, diante do São Paulo, ele saiu do banco de reservas e marcou seu único gol com a camisa do Audax. Daquele confronto em diante, nunca mais saiu do time titular, até acertar seu empréstimo para o Oeste. Ele sequer foi relacionado para a partida contra o Desportivo Brasil, no último sábado, 5. Ao todo, ele disputou cinco jogos pelo Audax.

Goleiro do time osasquense, Jefferson Paulino lamentou a ausência do atacante para o restante da Copa Paulista. Para o camisa 1, Wesley Bolinha era o principal jogador da equipe na competição. Segundo o arqueiro, a maior dificuldade contra o Desportivo, foi, justamente, encontrar uma maneira de suprir a saída de Bolinha. “Do trabalho que foi iniciado na Série D, a gente achou um estilo de jogo, mas nosso melhor jogador até então foi tirado da nossa equipe e ele acabou se transferindo para o Oeste. Dentro do clube a gente não tinha uma peça igual. O Wesley Bolinha é um jogador de muita velocidade, o que nos dificultou um pouco porque tivemos que mudar a estratégia, jogando com mais um homem no meio, o que prejudica, porque nosso poder de fogo foi menor nesse jogo”, lamentou Jefferson Paulino.

Com a transferência de Bolinha e Pedrinho para o Oeste, o Rubrão conta agora com três jogadores emprestados pelo Audax. Além dos jovens atacantes, o goleiro Felipe Alves, reserva de Rodolfo, também integra o elenco do time de Barueri. Nos próximos dias, outros jovens jogadores devem fazer o mesmo caminho para ganharem experiência e visibilidade. Além deles, Velicka é outro que se transferiu do Audax para o Oeste. O meia, no entanto, deixou Osasco após o término de seu contrato.
 

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style