Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Polícia

22/11/2017 - 00:00 - Atualizado em 22/11/2017 - 00:00

Perseguição acaba com dois mortos e refém libertado

Vítima foi abordada na avenida das Flores por quatro homens, que a obrigaram a entrar no veículo. No trajeto, grupo ainda fez "arrastão" em um churrasco
Por Da redação
Osasco

(policia@webdiario.com.br)

Uma perseguição policial terminou com dois bandidos mortos – e outros dois foragidos – além de um refém libertado, durante a madrugada, em Osasco.  A vítima estava em uma lanchonete, quando foi abordada por um homem, que pediu uma informação. Ao se aproximar, outros três homens armados surgiram o obrigaram a entrar no próximo carro, um Cobalt, e seguir dirigindo. “Ele ficou com a arma na minha cabeça, falando que iam me explodir”, contou o refém, que preferiu não se identificar, em entrevista ao Portal G1.  A quadrilha ficou cerca de 40 minutos dentro do carro com o homem, dirigindo por algumas ruas de Osasco.

Na avenida Flora, ao verem uma autoelétrica fechada, mas onde acontecia um churrasco, invadiram o local e assaltaram os convidados, levando carteiras e celulares. Depois, pararam e ordenaram que um dos comparsas, que estava muito alterado, descesse do carro. Logo na sequência, uma viatura da Guarda Municipal passou pelo local e foi avisada do assalto. Depois, localizou o veículo descrito pelas vítimas trafegando pela avenida Sport Club Corinthians. Sem saber que, ao volante, estava o refém os agentes deram início à perseguição. Ao entrar em uma rua de terra sem saída, o Cobalt parou e foi atingido pela viatura.

Os três assaltantes desceram atirando e foram atingidos, mas conseguiram fugir. O refém não foi atingido e foi levado, pelos guardas, à Delegacia Seccional, para registro da ocorrência. Horas depois, a polícia foi informada de que três homens deram entrada, baleadas, no Pronto Socorro do Jardim Santo Antônio. Uma equipe foi até o local, mas dois deles já estavam mortos. Um terceiro, beleado no braço e que levou a dupla, até o local, em um Fiat Uno, fugiu ao notar a aproximação da viatura. A vítima reconheceu os dois mortos como os homens que o haviam sequestrado. Eles também foram reconhecidos pelas vítimas assaltadas no churrasco. O caso foi registrado na Delegacia Seccional de Osasco, que mantém as investigações. 

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style