Domingo, 17 de Junho de 2018

Esportes


12/06/2018 - 00:00 - Atualizado em 12/06/2018 - 00:00

Seleção garante vaga na fase final da Liga das Nações

Por Da redação
Região

(esportes@webdiario.com.br)

A seleção brasileira de vôlei feminino só precisava de mais uma vitória para garantir vaga na fase final da Liga das Nações. E ela veio logo na etapa de abertura da quarta e última rodada da etapa de classificação do torneio. Nesta terça-feira, as comandadas do técnico José Roberto Guimarães bateram a Bélgica por 3 sets a 1. Com isso, agora só cumprem tabela nos próximos dois jogos, contra Tailândia e Itália, hoje e amanhã. As partidas acontecem na Itália. Mas a cabeça já está na China, onde acontece a decisão do torneio, reunindo os seis primeiros colocados da classificação, a partir de 27 de junho.

Apesar da vitória, que fez com que a seleção chegasse a 31 pontos e mantivesse a vice-liderança na tabela geral, atrás dos Estados Unidos, um fato chamou a atenção na partida. O time sofreu um “apagão” no terceiro set. Após fazer 25 a 15 e 25 a 14, perdeu por 25 a 21. Mas depois fechou o jogo com 25 a 23.  Tandara, que havia sido poupada pelo técnico Zé Roberto no 3º set, voltou à quadra na parcial final. E, mesmo ficando um set inteiro no banco,  foi a maior pontuadora da seleção, com 15 acertos.  Já a artilheira da partida foi a belga Britt Herbots, com 21 acertos. Outras duas jogadoras foram destaque do lado brasileiro. Amanda, que acaba de ser contratada pelo Hinode/Barueri para a temporada 2018/2019, marcou 11 pontos, mesmo desempenho da central Bia. A seleção volta à quadra nesta quarta-feira, às 12 horas (horário de Brasília), contra a Tailândia.

Na quinta-feira, o Brasil encerra a participação na fase de classificação contra a Itália. Apesar da vaga já estar garantida, as vitórias podem garantir que a seleção avance como vice-líder à próxima fase. Estão em sua cola Holanda, Turquia e Sérvia. A seleção turca, com o mesmo número de jogos, soma 29 pontos. Já Sérvia e Holanda, com uma partida a menos, têm 28 pontos.  Os Estados Unidos lideram com 34, mas também têm um jogo a menos até agora.  As norte-americana perderam um jogo, enquanto o Brasil soma 2 derrotas. A Liga das Nações acontece pela primeira vez, substituindo o Grand Prix. A cada semana são formados quatro grupos com quatro seleções cada, definidos em sorteio. Todas as equipes se enfrentarão antes da fase decisiva. Ao fim da fase classificatória, as cinco equipes mais bem classificadas avançarão à fase final, que contará ainda com a China, país sede.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style