Sábado, 21 de Julho de 2018

Esportes


06/07/2018 - 00:00 - Atualizado em 06/07/2018 - 00:00

Thaisa não esconde ansiedade da estreia pela seleção

Por Da redação
Região

(esportes@webdiario.com.br)

A seleção brasileira de vôlei feminino estreia neste domingo, contra o México, na Copa Pan-Americana. O torneio, que acontece a República Dominicana, tem como principal atrativo garantir vagas nos Jogos Pan-Americanos de 2019 aos cinco primeiros colocados. E, no caso específico do Brasil, que chega para a disputa com sua seleção B, vai servir para dar experiências a atletas mais jovens e também ritmo de jogos a que vem se recuperando de lesão, como é o caso da central Thaisa, do Hinode/Barueri.

Apesar de ser bicampeã olímpica, ela não esconde  a ansiedade pela estreia na competição. Será sua primeira participação com a camisa do Brasil desde a cirurgia no joelho esquerdo, em junho do ano passado. Ela também integrou o elenco das conquistas de todos os três títulos brasileiros na Copa – em 2006, 2009 e em 2011. Neste último ano, Thaisa ganhou também o prêmio de melhor bloqueio. “Estou um pouco ansiosa. Quero aos poucos ir voltando, ir ganhando ritmo novamente e a Copa será meu primeiro passo para isso. Me sinto mais confiante e cada dia me sinto mais feliz por isso. A pior coisa é entrar em quadra com medo de fazer algum movimento, se policiando, mesmo que inconscientemente, no momento de um bloqueio ou de buscar uma bola”, disse a atleta, ao portal Melhor do Vôlei.

Além dela, o Hinode/Barueri marca presença, na seleção, com a levantadora Dani Lins, que também espera ganhar ritmo de jogo após mais de um ano longe das quadras e quatro meses depois de dar à luz  a pena Lara; além da líbero Natinha e da ponteira Lays. O reformulado Vôlei Osasco Audax é outro que conta com representante na seleção que disputa a Copa Pan-Americana: a levantadora Claudinha, recém contratada. O Brasil está no grupo C, e além do México, jogará contra a Colômbia, adversário na segunda-feira (9/7) e Argentina, que enfrentará na terça (10/7). Estados Unidos, Cuba, Porto Rico e Trinidad e Tobago estão na chave B. Canadá, Peru, Costa Rica e República Dominicana na C. O primeiro colocado de cada grupo estará classificado para as semifinais. Já os segundos e terceiros colocados passarão às quartas de final.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Vip Style