Domingo, 16 de Dezembro de 2018

Polícia

11/10/2018 - 00:00 - Atualizado em 11/10/2018 - 00:00

Preso suspeito de assassinar guarda municipal em assalto

Por Erica Celestini e Maranhão / policia@webdiario.com.br
Osasco

Foi preso na madrugada desta sexta-feira um rapaz, de 20 anos, suspeito de ter assassinado o guarda municipal de Osasco José Maurício Alves Pessoa, durante assalto praticado em agosto. A vítima, de 54 anos, fazia “bico” como motorista de Uber durante a noite quando foi rendida por dois ladrões rua Vicente Paiva, no Jardim Veloso. Eles anunciaram o assalto e, ao revistarem o motorista, encontraram a arma. Nesse momento, efetuaram vários disparos e fugiram fugindo levando os pertences da vítima, incluindo a arma, além do celular e da carteira. A prisão de um dos suspeitos, identificado como Mayke Gabriel, aconteceu durante patrulhamento de uma equipe da 2ª Cia do 14ª Batalhão da PM pelo Jardim Conceição.

Quando passavam pela avenida dos Trabalhadores, os policiais desconfiaram de um pedestre, que demonstrou muito nervosismo e tentou fugir. Abordado, ele confessou que era foragido da Justiça, pelo crime de furto. Mas a desconfiança dos policiais aumentou quando viram que ele trazia, nos braços, várias tatuagens de palhaço, o que, no mundo do crime, é símbolo de pessoa que pratica assaltos. Levado ao Distrito Policial, ele acabou identificado como um dos suspeitos do assassinato do guarda. O rapaz possui ainda outra duas passagens pela polícia, por roubo e receptação.

É ainda suspeito de cometer assaltos contra passageiros em pontos de ônibus, durante a madrugada, na região do Conceição e Santa Maria. A prisão foi feita pelo sargentos Gildo e Santos, soldados Souza, Gustavo, Gemerson e Tobias e cabo Gonzaga.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style