Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018

Cotidiano


08/11/2018 - 00:00 - Atualizado em 08/11/2018 - 00:00

Cidades da região registram 84 nascimentos e 26 mortes por dia

Somente no ano passado, 30,6 mil bebês nasceram nos 8 municípios dessa área, que também registraram 9,7 mil óbitos. Dentre os nascimentos, Osasco concentra 1/3 do total. Região registra ainda três vezes mais casamentos que divórcios.
Por Erica Celestini / cotidiano@webdiario.com.br
Região

Todos os dias, 84 bebês vem ao mundo nas cidades da região Oeste. Por outro lado, 26 moradores dos 8 municípios dessa área morrem diariamente. Os dados são do mais recente levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) sobre nascidos vivos e óbitos, divulgado na última semana e tendo como base dados totalizados de 2017. O estudo também aponta que, durante todo o ano passado, 30,6 mil crianças nasceram na região. Osasco foi a cidade de nascimento de quase 1/3 delas. Foram ao todo 10,3 mil nascimento no município. Além de ter a maior população, Osasco tem também a única maternidade pública da região e conta com a maior rede de hospitais particulares.

Carapicuíba e Barueri aparecem quase empatadas, em segundo lugar, mas com metade desse total. Foram 5,4 mil nascimentos na primeira e 5 mil na segunda. Em Itapevi, foram outros 4,4 mil bebês nasceram no ano passado, enquanto Cotia registrou 3,4 mil. Com números bem menores, aparecem Jandira, com 928; Santana de Parnaíba, com 914;  e Pirapora do Bom Jesus, com 160. O levantamento aponta ainda que foram registrados 9,7 mil óbitos na região em 2017. Osasco novamente liderou, com 3,5 mil. Já Cotia assume o 2º lugar nesse ranking, com 1,7 mil, seguida por Barueri, com 1,6 mil e Carapicuíba, com 1,2 mil. Foram registrados ainda 928 óbitos em Itapevi, 350 em Parnaíba, 212 em Jandira e 67 em Pirapora do Bom Jesus.

Casamentos e Divórcios

O IBGE também levantou dados sobre casamentos e óbitos. Na região, em média 42 pessoas casam todos os dias, enquanto 14,3 se divorciam. Em números totais, são três vezes mais uniões que separações. Durante ao no passado, foram celebrados 15,3 mil casamentos e assinados 5,2 mil divórcios. Osasco está na liderança dos dois rankings. Foram 4,8 mil casamentos e 1,3 mil divórcios em 2017. Ainda entre os casamentos, foram 2,7 mil em  Barueri, 2,2 mil em Carapicuíba, 1,8 mil em Cotia, 1,6 mil em Itapevi, 1 mil em Jandira, 840 em Parnaíba e 108 em Pirapora no ano passado. Já os divórcios somaram 1,1 mil registros em Carapicuíba, 852 em Barueri, 658 em Itapevi, 469 em Cotia, 423 em Parnaíba e 352 em Jandira. Pirapora foi a única cidade que não registrou separações no período.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style