Quarta-Feira, 19 de Dezembro de 2018

Política


06/12/2018 - 00:00 - Atualizado em 06/12/2018 - 00:00

"As pontes de Osasco são seguras", diz Vido na Câmara

Informação foi dada por José Carlos Vido, chefe de gabinete do prefeito Rogério Lins, durante Audiência Pública da Câmara de Osasco para debater as condições de pontes e viadutos do município
Por Da redação / politica@webdiario.com.br
Osasco

José Carlos Vido, chefe de gabinete do prefeito Rogério Lins (Podemos)

José Carlos Vido, chefe de gabinete do prefeito Rogério Lins (Podemos) (Foto: Divulgação)
“O osasquense pode transitar tranquilamente pelos viadutos e pontes da cidade, não há riscos”, garantiu José Carlos Vido, chefe de gabinete do prefeito Rogério Lins (Podemos), durante Audiência Pública da Câmara de Osasco para debater as condições dos elevados. Na ocasião, ele foi enfático ao tranquilizar a população sobre possíveis incidente e explicou que “as pontes são seguras, são vistoriadas e recebem manutenção constantemente. Os problemas encontrados são imediatamente sanados”, afirmou. No mesmo evento, o chefe da Defesa CiviL, Renato Catileira, também garantiu que as pontes e viadutos são jovens em relação às pontes de São Paulo, por isso, não devem “cair ou rachar”.

O evento foi uma solicitação do vereador Tinha di Ferreira (PTB), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e contou com a participação de Vido, do secretário de Obras Cláudio Monteiro e do chefe da Defesa Civil, o engenheiro Renato Castileira. “Sabíamos da existência da fenda. Em setembro, observamos desgastes na estrutura, mais especificamente nas juntas de dilatação. Nunca houve risco à população, aos carros que passam por lá. Foram tomadas todas as medidas necessárias para resolução dos problemas”, explicou. O engenheiro afirmou que não há relação entre o ocorrido em São Paulo, no último dia 15 de novembro, quando cedeu parte da estrutura de viaduto da Marginal do rio Pinheiros, com a fenda encontrada no viaduto Fuad Auada.

As ações foram motivadas depois de vídeos feitos no viaduto Fuad Auada, pelo vereador Ralfi (Podemos), verificou a existência da fenda em uma das juntas de dilatação. Após solicitar vistoria técnica, o vereador apresentou Moção de Apelo solicitando imediato reparo. Ralfi se disse satisfeito com as informações recebidas durante a Audiência Pública.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style