Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2019

Polícia

02/01/2019 - 00:00 - Atualizado em 02/01/2019 - 00:00

Homem ateia fogo na mulher e tenta por a culpa na enteada

Por Erica Celestini e Maranhão / policia@webdiario.com.br
Osasco

Um homem foi preso em flagrante, durante o feriado de Réveillon, por tentativa de feminicídio em Osasco. Durante uma discussão, ele jogou gasolina e, usando um isqueiro, ateou fogo na própria mulher. O caso aconteceu no imóvel da família, em frente a vários outros parentes, que testemunharam a agressão. Enquanto eles socorriam a vítima, o agressor conseguiu fugir. Mas foi preso horas depois, andando pela avenida Nossa Senhora das Graças, próximo ao Largo do Novo Osasco. A prisão foi feita por homens do 14º Batalhão da Polícia Militar. Ao ser abordado, o suspeito confirmou que a mulher havia sido atacada com fogo, mas disse que sua enteada – e filha da vítima – havia acendido o isqueiro, fato que foi negado pelas testemunhas.

Os policiais faziam ronda pela região quando foram informados, via rádio, de que uma mulher, vítima de agressão, estava sendo atendida no Pronto Socorro do Jardim D´Abril. Apesar de muito ferida, ela conseguiu prestar depoimento e contou aos PMs que havia sido agredida pelo marido. Após uma discussão, ele saiu de casa. Depois, voltou com um galão de gasolina, que havia comprado em um posto, e jogou sobre seu corpo. Na sequência, acedeu o isqueiro e jogou sobre ela. A vítima contou ainda que o agressor estava armado e ameaçou matar todas as pessoas que estavam na casa, antes de fugir.

Ao ser abordado pelos PMs, o suspeito estava com o isqueiro usado no crime. Mas a arma, citada pela vítima, não foi localizada. Ele já tinha passagens anteriores pela polícia e ficou preso por duas oportunidades. O caos foi registrado no 5º DP.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style