Segunda-Feira, 24 de Junho de 2019

Esportes


12/04/2019 - 00:00 - Atualizado em 12/04/2019 - 00:00

Brait e Mari Paraíba são apontadas como renovações certas do elenco

Por Da redação / esportes@webdiario.com.br
Osasco

Sem nada oficial. Mas envolto em especulações. Assim segue o mercado do vôlei feminino nessa reta final de Superliga. Enquanto o Itambé/Minas e o Dentil/Praia Clube disputam a decisão da edição 2018/2019 a partir do próximo dia 21, as demais equipes já pensam em montar seus elencos para a próxima temporada. Do lado do Vôlei Osasco-Audax, que encerrou sua participação em 3º lugar, eliminado pelo Minas nas semifinais, duas renovações são dadas como praticamente certas: a da líbero Camila Brait e da ponteira Mari Paraíba. As duas foram também as primeiras atletas anunciadas pelo clube na atual temporada, logo após a confirmação da manutenção do time, mesmo com a saída de seu então patrocinador, a Nestlé.

Na época, o técnico Luizomar de Moura chegou a brincar, dizendo que tinha uma dupla de vôlei de praia para iniciar os treinamentos. As duas atletas também têm forte ligação com Osasco. Se disse o esperado “sim” mais uma vez, Brait defender o clube pela 12ª temporada consecutiva. Já Mari está em sua segunda passagem por Osasco, mas foi revelada nas categorias de base do Bradesco, que também tem sua sede na cidade. Ainda dentre as especulações, o time estaria trazendo duas atletas do Rio de Janeiro: a levantadora Roberta e a central Bia, que retornaria ao time após uma temporada sob o comando do técnico Bernardinho.

Com isso, fica a expectativa de quem sai. Como levantadoras, na atual temporada, defenderam o clube Carol Albuquerque e Claudinha. Já as centrais são Walewska, Natasha e Nati Martins.  Outro “sim” bastante esperado pela torcida mas sobre o qual ainda não há notícias é o da oposto norte-americana Destinee Hooker. Na atual temporada,  ela foi a segunda maior pontuadora da Superliga, com 420 pontos.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style