Quinta-Feira, 18 de Julho de 2019

Cotidiano


10/07/2019 - 00:00

Sarampo: Osasco tem seis casos confirmados da doença e inicia vacinação nesta quinta-feira

Casos já confirmados são de moradores ou pessoas que trabalham nos bairros do Jaguaribe, Bussocaba, Bela Vista, Munhoz Júnior, Jardim D´Abril, Santa Maria e Novo Osasco. Campanha de vacinação tem como público alvo população entre 15 e 29 anos, mas toda população será atendida. Quem já tomou as duas doses, não precisa se imunizar novamente
Por Erica Celestini / cotidiano@webdiario.com.br
Osasco

imagem ilustrativa

imagem ilustrativa (Foto: divulgação)
Osasco soma 6 casos confirmados de sarampo.  E esse número pode aumentar. Dos 20 casos notificados desde o início desse ano, outros 10 ainda estão em investigações.  Já entre os confirmados, as pessoas infectadas são moradoras ou trabalham nos bairros do Jaguaribe, Bussocaba, Bela Vista, Munhoz Júnior, Jardim D´Abril, Santa Maria e Novo Osasco. Os dados são da Secretaria Municipal da Saúde.

A cidade foi incluída, pelo governo do Estado, na campanha de vacinação contra a doença. Ela tem início nesta quinta-feira, dia 11. O público alvo são jovens entre 15 e 29 anos, faixa etária considerada mais suscetível, atualmente, à doença.  

Todas as UBS (Unidades Básicas de Saúde) e a Policlínica da Zona Sul participam da campanha.  Nos postos, o atendimento acontece das 8 às 17 horas. Já na Policlínica, o horário segue até as 19 horas. Para quem não puder comparecer aos postos, que funcionam de segunda a sexta-feira, haverá ainda um “Dia D”, em 20 de julho, um sábado, com abertura de todas as unidades.

De acordo com a prefeitura, as doses também estarão disponíveis a toda população. As pessoas que já receberam duas doses não precisarão ser vacinadas novamente. Já as pessoas que não receberam nenhuma dose, deverão receber as duas doses, com intervalo de 30 dias.

Quem não tiver carteirinha de vacinação, será considerada pessoa não vacinada e vai receber as duas doses da vacina. A vacina integra o calendário nacional de imunização, que prevê administração da tríplice viral (contra sarampo, rubéola e caxumba) aos 12 meses e um reforço aos 15 meses com a tetraviral (sarampo, rubéola, caxumba e varicela)

A campanha já está em andamento na Capital. Agora, além de Osasco, foram incluídas, São Bernardo, Santo André, São Caetano e Guarulhos, conforme orientação da Secretaria Estadual da Saúde. A vacinação visa bloquear a circulação do vírus. A meta é imunizar, nessas cinco cidades, mais de 900 mil jovens e adultos nessa faixa-etária.

Este ano, até agora, foram registrados 206 casos da doença em todo o Estado.  Osasco é a única cidade da região Oeste com registro de sarampo. Do total de casos no Estado, 66% estão na Capital, com 137 casos.

Embora representem aproximadamente 20% da população paulista, jovens entre 15 e 29 anos respondem por 47,5% do total de pacientes.  Outros 36 casos (17,5%) abrangeram crianças com menos de 12 meses.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style