Sábado, 21 de Setembro de 2019

Cotidiano


10/09/2019 - 00:00 - Atualizado em 10/09/2019 - 00:00

Osasco pretende reformar todas as escolas da rede municipal

Por Erica Celestini / cotidiano@webdiario.com.br
Osasco

 "Pacotão" de obras também vai incluir partes municipais, unidades de saúde e de serviços da Assistência Social. Mudança no processo de licitação permitiu acelerar os trabalhos, explica o prefeito Rogério Lins. Investimentos serão de R$40 milhões

"Pacotão" de obras também vai incluir partes municipais, unidades de saúde e de serviços da Assistência Social. Mudança no processo de licitação permitiu acelerar os trabalhos, explica o prefeito Rogério Lins. Investimentos serão de R$40 milhões (Foto: Divulgação)
A Prefeitura de Osasco vai realizar um “pacotão” de reformas em prédios públicos, incluindo escolas da rede municipal, unidades de saúde, parques municipais e prédios onde são prestados serviços da Secretaria de Assistência Social. No caso da Educação, o prefeito Rogério Lins garante que “praticamente todas as escolas” serão reformadas.   

Os trabalhos vão variar de acordo com a situação de cada prédio ,envolvendo desde pintura e troca de telhado até obras estruturais. “Muitas delas não tiveram a manutenção devida, nos últimos dez anos. Então, acabaram tendo alguns problemas estruturais. Mas, na maioria, serão necessários trabalhos como reforma de telhado, pintura e reparos de hidráulica e elétrica”, explicou o prefeito, em entrevista ao Diário.

Lins, que anunciou nas redes sociais o programa como o “maior da história de Osasco” envolvendo reformas de prédios públicos, explicou ainda que o “pacotão” foi possível com mudanças no sistema de licitação para contratação dos serviços. “Fizemos um contrato, já licitado, que permite que toda secretaria municipal inclua as reformas na ata”, explica. Com isso, não é preciso mais fazer uma licitação para cada obra, processo que demorava entre seis meses e um ano para ser concluído.

“Agora, qualquer tipo de reforma em espaçou ou equipamento público, pode ser licitada dessa  nova forma”, completou. Já os prazos de conclusão vão depender de cada projeto. Serão investidos, nessas obras, R$40 milhões, já garantidos nos cofres públicos. “Mas o orçamento da cidade está vivendo um momento muito positivo. Então, se for necessário podemos complementar e investir ainda mais. Estamos fazendo isso porque com os equipamentos públicos com bom funcionamento e adequados, quem ganha é a população”, ressaltou.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style