Sexta-Feira, 18 de Outubro de 2019

Cotidiano


08/10/2019 - 00:00

Dois postos de Osasco são suspeitos de "golpe da bomba"

Por Da Redação/cotidiano@webdiario.com.br
Osasco

Imagem ilustrativa

Imagem ilustrativa (Foto: divulgação)
Dois postos de combustíveis de Osasco, ambos na Vila Quitaúna, tiveram irregularidades constadas durante fiscalização da operação “Olhos de Lince”, do Ipem (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo).

Eles são suspeitos de praticar o “golpe da bomba”. Os fiscais encontraram indícios de adulteração, nos componentes do equipamento, que faziam com que o volume de álcool ou gasolina que entrava no tanque dos veículos fosse menor que o indicado no painel da bomba.

No total, foram fiscalizados quatro postos, sendo verificadas 41 bombas de combustíveis, e encontradas irregularidades em 29 bombas. Foram emitidos 29 autos de infração, apreendidas 26 placas e 29 pulsers.

Em Osasco, no Auto Posto Grand Prix, que fica na avenida Newton Stilac Leal, 1329, foram encontradas irregularidades nas oito bombas. Já no RL Posto de Serviços Automotivos, na rua São Maurício, foram flagrados problemas em 12 das 14 bombas.

Segundo o Ipem, os donos dos estabelecimentos têm agora dez dias para apresentar defesa junto ao instituto. De acordo com a lei federal 9.933/99, as multas podem chegar a R$ 1,5 milhão.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style