Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019

Cultura


17/10/2019 - 00:00 - Atualizado em 17/10/2019 - 00:00

O mal em sua versão mais bela

Por Da redação cultura@webdiario.com.br
Região

Angelina Jolie volta a interpretar Malévola em "Dona do Mal" e ganha Michelle Pfeiffer como rival

Angelina Jolie volta a interpretar Malévola em "Dona do Mal" e ganha Michelle Pfeiffer como rival (Foto: Divulgação)
Angelina Jolie está de volta ás telonas. E também a um de seus papéis mais marcantes. Ela protagoniza “Malévola – A Dona do Mal”, continuação da superprodução da Disney para o conto de fadas sombrio que fez sucesso em 2014 mostrando a história de Bela Adormecida de uma perspectiva diferente, pelos olhos da bruxa má. Agora, cinco anos se passaram após o despertar da princesa Aurora, agora rainha dos Moors.

A jovem é pedida em casamento pelo príncipe Phillip e viaja até o reino de Ulstead, ao lado de Malévola – que não aceita muito bem as intenções do noivo -  para conhecer os futuros sogros. Mas o encontro entre as famílias acaba virando um conflito entre os reinos dos homens e das fadas. Esse encontro também coloca Jolie à frente de outro ícone de beleza no cinema. A mãe do príncipe é ninguém menos que Michelle Pfeiffer, que também vai mostrar seu lado sombrio.

Ela quer, na verdade, usar o casamento para dividir os humanos das fadas para sempre, causando discórdia e ameaçando a harmonia dos reinos.  No meio da confusão Aurora e sua madrinha vão ficar, novamente, em lados opostos.  Há espaço também, na trama, para explorar a origem de Malévola, que ficou de lado no primeiro filme.

Esse resgate abre espaço para um novo personagem, Conall, uma criatura semelhante a Malévola, vivida por Chiwetel Ejiofor, astro de 12 Anos de Escravidão.  Para o roteiro, a Disney convocou Linda Woolverton , que assinou a versão de A Bela e a Fera de 1991, e agora trabalha em parceria com Micah Fitzerman-Blue e Noah Harpster.  Já na direção está norueguês Joachim Rønning (de Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar e Expedição Kon Tiki), que assumiu o  lugar de Robert Stromberg, responsável pelo primeiro longa.

Newsletter
Conteúdo exclusivo para você
Capa do Dia
Vip Style