Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020

Esportes


15/05/2020 - 00:00 - Atualizado em 15/05/2020 - 00:00

"Votei no Bolsonaro e me arrependi", desabafa Oscar

Por Francisco Rossi Júnior / esportes@webdiario.com.br
Alphaville

Oscar Schmidt

Oscar Schmidt (Foto: news free/con/getty images)
Em entrevista à jornalista Patrícia Calderón, da Rádio Jovem Pan, ídolo do basquete fez duras críticas ao presidente Jair Bolsonaro. “Incrível como o presidente do meu país se mostra tão despreparado para o cargo que caiu no colo dele”, disse.
"Eu votei no Bolsonaro, no 2º turno, tinha um otimismo danado nele, muito mais que a maioria das pessoas. Confiei e me arrependi”, completa Oscar Schmidt, medalha de ouro no Pan Americano de 1987, recordista de pontos marcados em Olimpíadas, integrante do hall da fama do Basquete Internacional e um dos maiores jogadores de todos os tempos.

Oscar, a esposa e uma funcionária estão, há três meses, isolados dentro de casa, em Alphaville. O ex-cestinha da seleção brasileira de basquete foi diagnosticado com um tumor cerebral e desde então trava uma batalha contra o câncer. É, portanto um paciente de alto risco.
“É minha obrigação ficar em casa. Esse vírus é perigoso e mata. Estou deixando de ganhar dinheiro com eventos, palestras e publicidade por um bem maior que é minha saúde e o Brasil”, afirmou na entrevista.

Vip Style