Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020

Polícia

23/06/2020 - 00:00 - Atualizado em 23/06/2020 - 00:00

Preso em Alagoas homem que deu cinco tiros na ex-namorada em Barueri

Por Da redação / policia@webdiario.com.br
Barueri

Preso em Alagoas homem que deu cinco tiros na ex-namorada em Barueri

Preso em Alagoas homem que deu cinco tiros na ex-namorada em Barueri (Foto: imagem meramente ilustrativa)
Quatro meses após tentar matar a ex-namorada em Barueri, o homem de 31 anos foi preso nesse sábado (20) na cidade de Campo Alegre, em Alagoas. A prisão foi realizada pela Polícia Civil e pela Guarda Municipal de Campo Alegre.
 
A tentativa de feminicídio aconteceu no dia 20 de fevereiro, no bairro Parque Imperial, em Barueri, após quatro meses do fim do relacionamento. A vítima recebeu cinco tiros quando estava em um carro com a sobrinha de dois anos e mais dois amigos. O casal estava separado desde novembro de 2019, quando a mulher foi agredida, fez um boletim de ocorrência e conseguiu uma medida protetiva.
 
A vítima relatou para a polícia que desde janeiro o homem ligava para ela, ameaçando matar a mãe dela, porque não aceitava o fim do relacionamento.
 
O chefe de operações da Delegacia de Campo Alegre, José Mariano Sobrinho, informou que o homem tentou matar a ex cinco vezes durante anos de relacionamento. Ele disse que o homem foi localizado porque uma pessoa de Campo Alegre assistiu a um programa policial de São Paulo, que mostrou o caso.
 
“Ele morou na cidade [Campo Alegre]. Ele tentou matar essa ex-mulher cinco vezes. Ele disse que ia voltar e ia matar a família dela, a mãe, porque ele tinha certeza que ela tinha sido morta. Tem uma irmã, uma mãe dele aqui [Campo Alegre]”, disse Mariano.
 
O mandado de prisão foi expedido pela Delegacia de Polícia de Barueri. A equipe do 75º Distrito Policial (75º DP), em Campo Alegre, coordenada pelo delegado Alexandre Cesar dos Santos, e a Guarda Municipal prenderam o homem quando ele saiu de casa em uma moto na companhia de uma namorada. De acordo com a polícia, ele não resistiu à prisão. O preso foi levado para o 75º DP e está à disposição da Justiça. (fonte: g1.globo.com)