• 17/04/2021

Adversários têm candidaturas indeferidas e Igor pode levar por WO

 Adversários têm candidaturas indeferidas e Igor pode levar por WO

(Foto Marcelo deck)

Dos quatro candidatos a prefeito de Itapevi, apenas Igor Soares (Podemos) teve a candidatura deferida pela Justiça Eleitoral. Seus adversários Carlos Nascimento (PDT) e Cowboy Nei (Solidariedade) ainda constam como indeferidos. Já o outro concorrente, professor Silvio Márcio (PSOL), está com a candidatura indeferida com recurso. A situação dos adversários não muda a perspectiva de Igor Soares ser reeleito, talvez até mesmo como o candidato mais votado na história da cidade, isso porque Igor tirou de seu caminho nomes tradicionais da política do município e uniu em sua coligação partidos com ideologias bastante distintas que vão do PT ao PSL.

Itapevi talvez seja a única cidade no País que tenha conseguido unir esquerda e direita em torno de uma única candidatura. Na região, com certeza, o fato é inédito. A lista dos partidos que estão com Igor inclui o PSDB, que hoje tem em suas fileiras a ex-prefeita Ruth Banholzer (PSDB), médica querida na cidade e adversária de Igor na última eleição. O PSB de Márcio França também está com Igor e dentre seus integrantes se encontra João Caramez, também ex-prefeito e com histórico forte em disputas com chapa majoritária. Márcio França tem candidata na cidade vizinha, Barueri, mas não quis se aventurar em Itapevi.  Nem mesmo o PT, do ex-vereador Fláudio, quis se lançar candidato. Nesta eleição, os petistas serão Igor. E para encerrar a análise dos mais divergentes, quem também está com Igor é o PSL, representante forte do eleitorado de direita. O PSL é a antiga legenda do presidente Jair Bolsonaro, hoje sem partido. 

“A aprovação da população credencia nosso governo para, de forma muito respeitosa, conversar com essas lideranças independente de suas ideologias políticas. Uns são do PT, outros mais de direita, alguns já foram governo, outros oposição, mas todos eles tem o seu valor e todos contribuem ou contribuíram, em dado momento, para o crescimento de Itapevi. Neste momento, conseguimos convergir estas idéias”, explicou o prefeito, há duas semanas, durante entrevista ao Diário nas Eleições.. “A gente se sente muito orgulhoso porque é a única cidade do país que conseguiu unir direita e esquerda e colocou os interesses da população em primeiro lugar. Os partidos estão comigo porque acreditam em nosso projeto de governo”.