Amanda dará voz a mulheres, gays, negros e deficientes

 Amanda dará voz a mulheres, gays, negros e deficientes

(Foto Facebook )

Em entrevista ao “Diário nas Eleições”, Amanda Horatório (PCdoB), a médica formada em Cuba e candidata a prefeita em Carapicuíba, disse que se vencer as eleições pretende criar a Tarifa Zero para o transporte público na cidade. Segundo ela, há 37 anos duas empresas de ônibus prestam serviço no município. “Em Carapicuíba existem apenas duas empresas em toda cidade desde que eu nasci. Elas criaram uma espécie de monopólio no setor e isso é muito prejudicial porque elimina a concorrência e inviabiliza preços mais competitivos. O transporte de Carapicuíba é um dos mais caros de São Paulo, em uma cidade tão pequena, um transporte tão caro, isso está errado”, afirma. “Por este motivo pensamos em readequar a situação e uma das propostas será tarifa zero para estudantes, sejam da rede municipal ou estadual”, completou.

A médica disse ainda que a Mobilidade Urbana passa obrigatoriamente em pensar em uma cidade mais inclusiva. “Nós temos dentro da nossa plataforma de governo pensar o município e o transporte para pessoas com deficiência. É preciso pensar nessas pessoas, e pensar na mobilidade delas também”, explicou.

Mas Amanda afirma que seu governo será saudável e democrático e sua plataforma de governo será formulada junto com a população. “Eu acho isso importante. Estou levando o debate para todas as pessoas de Carapicuíba, essa é a nossa forma de trabalhar e é uma maneira inclusiva para as minorias. Na nossa administração será criada a Secretaria de Igualdade Racial, a Secretaria da Mulher, a Secretaria de Direitos Humanos e vamos também pensar na Coordenadoria dos LGBTQIA+, na Coordenadoria dos Deficientes e porque não do idoso também”, concluiu.

Da Redação