Apenas duas grávidas foram vacinadas com AstraZeneca na região

 Apenas duas grávidas foram vacinadas com AstraZeneca na região

(Divulgação)

A Anvisa suspendeu, na segunda-feira (10), a aplicação da vacina AstraZeneca contra Covid-19 a grávidas. A medida foi tomada pelo Ministério da Saúde no mesmo dia em que uma gestante que morreu após ser vacinada com o imunizante, no Rio de Janeiro.

Levantamento realizado pelo Diário com as prefeituras da região aponta que apenas duas grávidas receberam o imunizante da farmacêutica britânica-sueca. As mulheres são moradoras de Osasco. Em Barueri, Jandira, Cotia, Carapicuíba, Itapevi nenhuma gestante recebeu o imunizante.

“Cabe ressaltar que a ocorrência de eventos adversos é extremamente rara e inferior ao risco apresentado pela Covid-19. Neste momento, a pasta recomenda a manutenção da vacinação de gestantes, mas reavalia a imunização no grupo de gestantes”, afirmou o Ministério em nota.

Graciela Zabotto