Barueri aplica quase 16 mil doses em apenas um fim de semana

 Barueri aplica quase 16 mil doses em apenas um fim de semana

Lourivaldo Fio / Secom

A prefeitura de Barueri aplicou, entre sábado e domingo, 15.750 doses da vacina contra Covid-19. Na sexta-feira (13), o Vacinômetro municipal apontava um total de 230.646 vacinas aplicadas. Já na segunda-feira (16), os números saltaram para 246.396 doses. A plataforma é atualizada diariamente.

Até o momento, desse total de imunizados, 178.545 pessoas tomaram a 1ª dose, enquanto 61.542 receberam a 2ª dose e 6.309 foram imunizados com dose única.

“Com isso, cerca de 86% da população de Barueri está imunizada com a 1ª dose e 36% está com o esquema vacinal completo contra o novo coronavírus, já que 33% tomou a 2ª dose e 3% tomou a dose única da Janssen”, explicou a prefeitura. No município as mulheres lideram entre os vacinados e representam 57,55% do público imunizado, enquanto os homens representam 42,34%.

Em Barueri, os polos de vacinação funcionam todos os dias, inclusive aos sábados, domingos e feriados, garantindo a proteção da população. Além disso, a Secretaria da Saúde ampliou as salas de vacina, estendendo a aplicação, além dos três polos, para 13 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), que funcionam de segunda a sexta-feira nos horários de cada UBS.

Também nesta segunda-feira a cidade iniciou a vacinação de jovens com 18 anos ou mais. Em Barueri, as remessas têm chegado duas vezes por semana, em média. “O número de doses enviadas por remessa ainda é baixo, mas a prefeitura tem feito a melhor gestão possível para que a vacina chegue aos grupos preconizados o mais rápido possível”, completou a administração.

“A vacinação é de grande importância no combate das doenças transmissíveis. O Brasil foi pioneiro na incorporação de diversas vacinas no calendário do Sistema Único do Saúde (SUS) e é um dos poucos países no mundo que oferece a toda população uma grande variedade de vacinas, específicas para cada fase de vida. Assim, a vacinação contra Covid mostra-se de extrema importância na redução da circulação do vírus, diminuindo o quantitativo de pessoas contaminadas, internações, casos graves e óbitos pela doença”, apontou a coordenadora de Vigilância em Saúde de Barueri, Rosana Perri Andrade Ambrogini.

Da Redação