Barueri gerou mais de 30.500 vagas de emprego em 2021

 Barueri gerou mais de 30.500 vagas de emprego em 2021

Divulgação

Barueri é a cidade do país, fora as capitais, que mais criou empregos em 2021. Foram 30.577 novas vagas no acumulado de todos os meses do ano passado. O levantamento foi divulgado recentemente pelo Ministério do Trabalho, por meio do Novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). No total, foram 206.963 admissões contra 176.386 desligamentos, gerando uma variação relativa de 11,29%.

Entre os 50 municípios que mais abriram vagas de trabalho no Brasil, Barueri se situa à frente de capitais como Recife (PE), São Luís (MA), João Pessoa e Porto Alegre (RS). No geral, Barueri está em 10º lugar entre as cidades do país que mais criou vagas de trabalho.

Segundo o secretário de Indústria, Comércio e Trabalho (Sict), da prefeitura de Barueri, Joaldo Macedo Rodrigues, o Magoo, o bom posicionamento da cidade reflete a prioridade que a administração dá para o assunto.

“A geração de emprego e renda tem sido uma prioridade da nossa Secretaria cumprida a partir da diretriz da Administração. Ser a cidade que mais gera emprego em 2021 nos dá a certeza de que o trabalho feito na Prefeitura de Barueri está no caminho certo”, destacou Magoo.

De acordo com o levantamento da Sict o setor da economia da cidade que mais empregou em 2021 é o de serviços administrativos. Foram 11.492 vagas. A lista segue com os setores de profissionais das ciências e das artes, 6.190 vagas; serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados, 4.095 vagas e técnicos do nível médio, com 3.530 vagas.

“Esses resultados só são possíveis devido às ações em conjunto com as empresas da cidade, com a execução de programas de formação profissional e de treinamento, além dos serviços de recrutamento da Casa do Trabalhador”, completou o secretário.

Segundo Magoo, para este ano, o emprenho da prefeitura é o de “procurar ampliar ainda mais nossos serviços e continuar na dianteira da criação de postos de trabalho, sempre buscando trazer mais investimentos para a cidade”.

Da Redação