Camila Brait é eleita a melhor líbero da Superliga 2021/2022

 Camila Brait é eleita a melhor líbero da Superliga 2021/2022

Foto: Caio Henrique

Camila Brait, do Osasco São Cristóvão Saúde, foi eleita a melhor líbero da temporada 2021/2022 da Superliga Feminina. O torneio terminou na última sexta-feira, 29, com o tricampeonato do Itambé Minas Tênis Clube ao derrotar o Dentil Praia Clube por 3 sets a 1.

 

Antes da entrega dos troféus e das medalhas, como é de praxe, a CBV (Confederação Brasileira de Vôlei) divulgou a seleção da competição. A líbero está em férias com o marido na Itália e quem a representou na cerimônia de entrega foi sua mãe, Cleides Brait.

 

Também foram premiadas Macris, o maior destaque da decisão, foi eleita a MVP da competição, além de levar o prêmio de melhor levantadora; Thaisa, como melhor central; Neriman Ozsoy, melhor ponteira; e Nicola Negro, melhor técnico. A oposta Kisy ainda levou o prêmio de melhor jogadora da final. Todos do Minas.

 

Apesar da queda na decisão, Carol, do Praia, foi eleita a craque da galera, além de levar o prêmio como uma das melhores centrais. Nia Reed, oposta do SESI Bauru e Peña, ponteira do SESC RJ Flamengo, completaram a lista.

 

Brait teve o melhor aproveitamento de recepções perfeitas na Superliga. Ela conseguiu a marca de 77% com 290 recepções perfeitas de um total de 375. A atleta anunciou que não disputará a temporada 2022/2023 pois pretende ser mãe novamente.

Da Redação