• 18/09/2021

Canalização de córrego no Rochdale vai acabar com enchentes

 Canalização de córrego no Rochdale vai acabar com enchentes

(Divulgação)

Em entrevista ao Diário da Região, o secretário da Habitação, Pedro Sotero, disse que duas grandes obras de drenagem em execução pela prefeitura devem reduzir em 95% o risco de enchente na Zona Norte de Osasco.

Segundo ele, a canalização está sendo executada em duas etapas que começa na parte alta, no Jardim Santa Rita e desce até o Rochdale. Um trecho que costuma alagar mesmo com chuvas de baixa intensidade.

“Isso deve beneficiar uns 400 mil habitantes da Zona Norte desde a parte baixa até a mais alta. Toda essa população será beneficiada. As duas obras devem ser concluídas no horizonte de dois a três anos. É um trabalho conjunto das Secretarias de Obras e Habitação”, explicou.

“Essa deve ser a maior obra e, talvez, a maior marca do governo Rogério Lins. Ela é uma obra antiga que tem quase 8 anos ela ainda é do PAC1 (Plano de Aceleração do Crescimento), mas ela ficou muito tempo parada. A construtora entrou num ritmo de querer entregar nesta gestão”, completou.

Pedro Sotero também informou que paralelo à canalização do córrego no Rochdale, que irá acabar com as enchentes, outro projeto paralelo está sendo executado. A região irá ganhar um Centro Cultural que já está em obras e num prazo de quatro meses deve ser repassado à Secretaria da Cultura.

“Se tudo correr bem vamos ter o primeiro cinema popular de Osasco na Zona Norte”, disse. “Vamos ter quadras para atividades esportivas de futebol, basquete e áreas verdes com equipamentos de ginástica. Não é só fazer um canal. É transformar o entorno”, explicou.

“O bacana dessa obra é que ela vai avançando e conforme avança a canalização do córrego, também avançam as construções em anexo. Conforme o canal vai evoluindo, toda a transformação do entorno vai acompanhando. A previsão de entrega do cinema e Centro Cultural deve ocorrer em um ano”, finalizou.