Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’

Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’
Cioeste prepara aplicativo ‘turismo na palma da mão’

O ex-prefeito de Osasco e atual secretário executivo do Cioeste (Consórcio Intermunicipal da Região Oeste), Jorge Lapas, disse que a entidade prepara um aplicativo para celular com informações de turismo nas cidades que compõem o consórcio.

Inicialmente chamado de “Turismo na palma da mão”, o app visa facilitar a vida de quem mora na região e daqueles que estão aqui a negócio. A meta é centralizar em um único lugar dicas diversas que vão da gastronomia, hotéis, bares, restaurantes, ecoturismo, patrimônio histórico, turismo religioso, parques temáticos, áreas verdes a aventuras radicais, dentre outras dicas. 

Outro objetivo também será fazer parcerias com a iniciativa privada para divulgar promoções, principalmente de hotéis e restaurantes, além de ofertar guias e pacotes de visitas. A região, onde se situa a maioria dos municípios conveniados ao Cioeste, possui diversos pontos turísticos. 

Santana de Parnaíba possui um charmoso Centro Histórico com 209 casas tombadas pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arquitetônico e Artístico do estado de São Paulo). No local é realizado, todo final de semana, uma feira de artesanato, ao lado da Igreja Matriz, em uma praça com ares de Interior e diversos restaurantes no entorno. 

São Roque é conhecida pela rota do vinho. Uma estrada recheada de vinícolas, bons restaurantes e lazer para toda a família, além de um Centro de Sky e a oferta de ecoturismo e esportes radicais.

Carapicuíba preserva uma aldeia indígena vizinha à área mais nobre da cidade, a Granja Vianna. Com casas de taipa de pilão, o lugar proporciona uma viagem no tempo. Em Cotia, o Templo Zulai traz uma arquitetura típica e permite a imersão religiosa com direito a comida vegetariana no próprio local. 

Para quem gosta de adrenalina, fica em Cotia o Thermas da Mata, parque aquático com toboágua, piscinas térmicas e até praia com ondas. Em breve, a cidade deve ganhar um zoológico e parque de diversão quatro vezes maior que o antigo Playcenter. Na região da Granja Vianna é possível curtir restaurantes típicos cercados de muito verde e pássaros cantando.

Já em Osasco existe um borboletário, diversos parques e muitos restaurantes com comida variada e para todos os bolsos. O turista pode provar o tradicional cachorro quente, marca registrada do município, passear por seu Calçadão (2º maior comércio de rua do estado) ou curtir pratos mais sofisticados em um dos restaurantes de redes, como o Outback ou Coco Bambu, dentre outras ofertas. Para quem aprecia turismo gastronômico, o bairro de Alphaville, em Barueri, é uma ótima opção.

Graciela Zabotto