Com Ceren de oposta e Tifanny como ponteira Osasco vence Barueri

 Com Ceren de oposta e Tifanny como ponteira Osasco vence Barueri

Com a turca Ceren na função de oposta e Tifanny deslocada para a ponta, o Osasco São Cristóvão Saúde derrotou o Barueri Vôlei por três sets a um, parciais de 25/19, 25/20, 23/25 e 25/22, em pouco mais de duas horas na noite desta terça-feira (8) no Ginásio José Correa. A mudança tática pelo técnico osasquense Luizomar Moura funcionou e deve ser mantida para as próximas rodadas.

Ceren foi eleita a melhor em quadra pelo público que acompanhou a partida pelo SporTV 2. Com o troféu Viva Vôlei nas mãos, a oposta fez questão de dividir os méritos pela vitória. “Estou muito orgulhosa do nosso time, que soube manter a concentração e o volume de jogo diante de um adversário que defendeu muito. Foi minha primeira partida desde o início e agradeço todo o apoio das minhas companheiras”, disse a turca.

O apoio das companheiras de time veio também na divisão dos pontos. A oposta turca marcou 12, mas as maiores pontuadoras de Osasco foram Fabiana e Tifanny, ambas com 14 acertos. A norte-americana Rachael Adams e a ponteira Michelle também se destacaram ofensivamente, com 13 e 10, respectivamente, Méritos para a boa distribuição da levantadora Kenya, que substituiu Fabiola, recuperando-se de lesão nas costas.

O Barueri chegou à segunda derrota seguida depois de emplacar quatro vitórias consecutivas. Com os dois resultados negativos, o time treinado por José Roberto Guimarães caiu para a sexta posição, ultrapassado pelo Fluminense. O SESC Flamengo está na cola em sétimo lugar. Os dois times retornam à quadra na próxima sexta-feira (11). O Barueri visita o Brasília Vôlei, enquanto o Osasco recebe o Pinheiros no Ginásio José Liberatti

Da Redação