Começam a ser erguidas as paredes do Hospital Regional de Barueri

 Começam a ser erguidas as paredes do Hospital Regional de Barueri

Divulgação

O Hospital Regional Rota dos Bandeirantes, em Barueri, começou a receber o serviço de alvenaria – construção das paredes após a montagem da estrutura.

Nova etapa da obra foi divulgada pelo prefeito Rubens Furlan (PSDB) em suas redes sociais.

“Trabalho é uma palavra que está entre as mais usadas no meu vocabulário. Prever as necessidades e fazer com que elas aconteçam, é comigo mesmo! O Hospital Regional é fruto disso e claro que teve a força da deputada Bruna Furlan para fazer acontecer”, disse.

Com bom relacionamento com o governo do estado, a deputada federal foi quem intermediou diretamente a instalação do hospital para a região.

“Quando ele ficar pronto, será referência em casos de média e alta complexidade. Terá 400 leitos, heliponto e tudo que um hospital precisa para receber seus pacientes com a dignidade que eles merecem”, concluiu Furlan.

A primeira etapa do hospital será concluída em setembro de 2022.

Estrutura

O Hospital Regional Rota dos Bandeirantes atenderá mais de 1,8 milhão de moradores das sete cidades da região Oeste da Grande São Paulo.

São mais de R$ 250 milhões em investimentos (R$ 125 milhões do governo estadual e outros R$ 125 milhões da prefeitura de Barueri, além do terreno com área de mais de 64 mil metros quadrados e o projeto).

Hospital terá área construída de 40 mil metros quadrados e fará atendimentos de casos de alta complexidade.

Serão 310 leitos, centro cirúrgico com oito salas de grande porte, 20 leitos de RPA (Recuperação Pós-Anestésica), pronto atendimento com observação com 30 leitos, hospital-dia com 20 leitos, setor de radioterapia e quimioterapia com salas equipadas com tomografia e ressonância magnética.

Graciela Zabotto