Em duelo de osasquenses Rodrygo desclassifica Manchester de Ederson e Real Madrid está na final da Liga dos Campeões

 Em duelo de osasquenses Rodrygo desclassifica Manchester de Ederson e Real Madrid está na final da Liga dos Campeões

Divulgação

Nascido em Osasco, o atacante Rodrygo colocou, mais uma vez, seu nome na história do Real Madrid na tarde desta quarta-feira, 4, ajudando a colocar o clube espanhol na 17ª final da Liga dos Campeões.

 

O time fez 3×1 em cima do Manchester City, que tinha no gol Ederson, outro osasquense, e está na decisão contra o Liverpool. A finalíssima acontecerá no dia 28 de maio, no Stade de France, em Paris.

 

Treinado por Pep Guardola, o City chegou em Madrid podendo empatar para estar na final por causa dos 4×3 aplicados em casa. Mas atuando no Santiago Bernabeu o Real queria reverter a vantagem adversária.

 

No primeiro tempo, o City conseguiu segurar o ímpeto espanhol e manteve o 0x0. No tempo final, sem alternativa, o Real Madrid foi para cima e encurralou os visitantes.

 

Os donos da casa enfileiraram oportunidades, mas quem abriu o placar foi o clube inglês, aos 28 minutos, em tiro de Mahrez. Precisando de dois gols para levar o jogo à prorrogação, o Real não conseguiu furar o bloqueio do Manchester até os acréscimos. Aí brilhou a estrela do atacante osasquense de 21 anos. Ele deixou tudo igual aos 45 e virou o marcador, com uma certeira cabeçada, aos 46.

 

“Não tem explicação. São coisas que só acontecem no Real Madrid. Essa camisa ensina a gente a lutar até o final, a não desistir. Depois que a gente tomou 1 a 0, eu olhei para o escudo e falei “Podemos virar, já viramos outras vezes”. E foi! Tentei chamar os companheiros, incentivar, disse que já viramos outras vezes e hoje poderia ser igual”, disse Rodrygo em entrevista ao canal TNT Sports.

 

Na prorrogação, Benzema fez o terceiro dos merengues de pênalti e, sem forças para reagir, o Manchester City adiou o sonho do título inédito.

 

O Real vai enfrentar o Liverpool na decisão de 28 de maio e vai atrás da sua 14ª conquista. Casemiro, Marcelo, Militão, Vinícius Júnior e Rodrygo, a estrela da semifinal, são os brasileiros que querem levar para casa mais um título.

 

 

 

Da Redação