• 14/06/2021

Estado proíbe Sabesp de realizar corte de água em comércios até 31 de agosto

 Estado proíbe Sabesp de realizar corte de água em comércios até 31 de agosto

Foto: Divulgação/Governo do Estado

A secretária de Desenvolvimento Econômico do estado, Patrícia Ellen, anunciou a extensão de benefícios concedidos a estabelecimentos comerciais afetados pela pandemia, com a não suspensão do fornecimento de água pela Sabesp e um programa de renegociação de débitos. O alvo são 600 mil estabelecimentos que têm consumo de até 100 metros cúbicos ao mês.

A vigência é de 1º de junho a 31 de agosto e não haverá a interrupção dos serviços da Sabesp no período. Os débitos existentes, incluindo acordos durante a pandemia, poderão ser renegociados sem multa e juros, e os estabelecimentos negativados terão os efeitos suspensos após a repactuação. O prazo de parcelamento é de até 12 meses.

“O incentivo do estado para empresas passa pela concessão de mais de R$ 2 bilhões em créditos e microcréditos pelo Desenvolve SP e Banco do Povo, além de parcerias com o Sebrae e a Junta Comercial para abertura de empresas”, afirmou Patrícia Ellen. A renegociação pode ser feita pelo telefone da Sabesp: 0800 055 0195.