Família da adivinhação também fazia magia negra

Policiais do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) que prenderam quatro ciganos, em mansão com carros de luxo na garagem, também descobriu que eles faziam rituais de magia negra.

No local foram apreendidos diversos materiais usados nos rituais. Dentre eles, caixões, cabeça de bode e imagens com aparências satânicas.

Por trás do tarot e magia negra também atuava uma quadrilha familiar acusada de associação criminosa, extorsão, estelionato e lavagem de dinheiro.

As detenções aconteceram nesta terça-feira (24) durante cumprimento de mandados em imóveis de luxo em Cotia, Santana de Parnaíba e nos bairros nobres de São Paulo como Itaim Bibi e Pinheiros.

As ações fazem parte da Operação Tarot. As equipes apreenderam veículos de luxo, joias e dinheiro. Também documentação para ampliar as apurações.

O alvo é a família Nicolitch, uma organização familiar que age no ramo da adivinhação, e um empresário conhecido como Rei dos Cassinos.

Na mansão, os policiais apreenderam dois veículos BMW de modelos diferentes, um SUV Land Rover Discovery, um SUV Chevrolet e dois Audi.

Da Redação