Flanelinhas assassinados ao lado do Bom Prato festejavam comida por R$ 1,00

 Flanelinhas assassinados ao lado do Bom Prato festejavam comida por R$ 1,00

Divulgação

Dois homens assassinados, anteontem, em Cotia, trabalhavam como flanelinhas na região central.

Eles estavam em cinco, quando um sacou uma arma e começou a disparar.

Rafinha e Yago não resistiram e morreram na hora. Um ficou ferido e está internado. Os dois armados, fugiram. Ninguém sabe o motivo dos crimes à queima roupa.

Tiroteio aconteceu por volta das 18h45, desta segunda-feira (27), na rua Guido Fecchio, próximo ao Bom Prato que seria inaugurado no dia seguinte.

Por ironia do destino, os flanelinhas Rafinha e Yago estavam felizes pela abertura do Bom Prato na cidade, segundo relatos do jornalista Neto Rossi, do Cotia e Cia.

Neto Rossi conhecia os dois. Ambos, inclusive, pegavam comida no comércio da família do jornalista aos finais de semana.

Rafinha e Yago comemoravam a possibilidade de comer bem, todos os dias, por apenas R$ 1,00. Preço da refeição no Bom Prato. Tinham dificuldade em se alimentar no dia a dia.

O governo do estado adiou a inauguração do Bom Prato. Os crimes serão investigados. O assassino está foragido.

Da Redação