Frota quer ‘passaporte’ da vacina obrigatório para eleitores

 Frota quer ‘passaporte’ da vacina obrigatório para eleitores

Divulgação

Morador de Cotia e deputado federal, Alexandre Frota (PSDB) protocolou na Câmara dos Deputados o projeto de lei nº 27/2022 que determina a obrigatoriedade da apresentação do comprovante da vacina contra a Covid-19 nas eleições.

“Os imunizantes foram adquiridos em número suficiente para todas as pessoas. O ato de não se vacinar é extremamente prejudicial a toda a população, pois como sabemos a contaminação deste vírus é extremamente rápida”, justificou no documento protocolado em Brasília.

O parlamentar tucano e ex-aliado de Jair Bolsonaro ainda citou o negacionismo liderado pelo presidente da República. “O negacionismo da eficácia da vacina não tem qualquer comprovação científica e vamos mais longe, o atual presidente afirmou que a vacina causaria AIDS, isso é um absurdo sem precedentes na história do nosso país. Precisamos de todos os cidadãos vacinados, seja o que for necessário fazer, o poder legislativo tem a obrigação de tornar lei, precisamos salvar a vida e inclusive nosso sistema de Saúde”.

O projeto ainda ressalta que só haverá exceção na obrigatoriedade “no caso de apresentação de declaração ou atestado médico onde se atesta a contra indicação da vacinação”.

O PL vai tramitar pelas Comissões Permanentes da Casa para, posteriormente, ser pautado para votação em plenário.

Graciela Zabotto