GCM apreende mais de 60 carretéis com linha cortante em Osasco

 GCM apreende mais de 60 carretéis com linha cortante em Osasco

Divulgação

No domingo (4), a Guarda Civil Municipal de Osasco, vinculada à Secretaria de Segurança e Controle Urbano, recebeu denúncias de que em terreno próximo à Universidade Federal, em Quitaúna, havia pessoas soltando pipas e usando linhas com cerol e chilena. Os agentes foram ao local e apreenderam mais de 60 carretéis.

De acordo com a prefeitura, a GCM tem feito operações conjuntas com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação com a participação de fiscais em comércios pela cidade. As ações são voltadas ao combate à venda de linhas cortantes e apreensão de carretéis e pipas com crianças e adolescentes que utilizam materiais perfuro-cortantes.

“Alertamos que essa brincadeira é muito perigosa, pois quando a linha está totalmente esticada, dificilmente temos uma visão da mesma e o motociclista, mesmo em baixa velocidade, pode sofrer ferimentos graves”, explicou o comandante da Guarda Civil Municipal, Raimundo Pereira.

No dia 20 de junho, na Avenida Flora, no Jaguaribe, um jovem motociclista morreu após ser atingido por linha com material cortante.

Da Redação