Igor pede Furlan governador em lançamento de livro

O prefeito de Itapevi, Igor Soares, voltou a insistir no nome do prefeito de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), para candidato a governador nas eleições do ano que vem. Para isso, Furlan se filiaria ao Podemos e disputaria o Palácio dos Bandeirantes fora do ninho tucano. 

O convite foi feito durante lançamento do livro contando a trajetória de 45 anos de vida pública de Furlan realizado nesta terça-feira (16), na Câmara Municipal, com a presença de diversos prefeitos, deputados, vereadores, juízes e demais autoridades da região. O livro foi organizado pelo jornalista João Palma.

“Não vou mentir para todos da região que é uma vontade e não só minha, mas acho que para todo cidadão que vive aqui na Grande SP. O Furlan é uma figura que transformou uma região e faz a gente acreditar em uma política boa. Com certeza tem essa vontade. A gente respeita a decisão dele, mas esse convite foi feito há muito tempo e hoje passei aqui para reforçar”, declarou Igor, que também é presidente estadual do Podemos.

Furlan chegou a ser um dos nomes em pauta para a sucessão de João Doria que deve disputar a presidência da República caso vença as prévias do PSDB contra Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul.

Nesta semana, Furlan completou mais de quatro décadas de vida pública que somam 9 mandatos entre vereador, deputado estadual, deputado federal e prefeito de Barueri por seis vezes, contando a atual gestão. O que o torna único no Brasil a governar a mesma cidade por tantos anos. 

No discurso do lançamento do livro, Furlan foi Furlan. Começou pedindo desculpa à população pela falta de remédio nas UBS (Unidades Básicas de Saúde). Recentemente, ele contratou uma empresa para assumir essa demanda e a medicação não chegou às prateleiras como deveria. O prefeito prometeu regularizar a situação em breve. 

“Quando eu erro o povo paga. Quero ser um prefeito melhor a cada dia, para garantir qualidade de vida aos moradores”, desabafou. A Saúde é a menina dos olhos de Furlan que repete aos quatro cantos que irá levar saúde de rico para pobre. Em visita ao Centro de Hemodiálise, o prefeito costuma brincar com os pacientes: “seu rim te deixou na mão, mas eu não”. O local tem 70 máquinas e é referência de atendimento na região. Em breve, Barueri vai ganhar um Hospital Regional construído em parceria com o governo do estado.

Já quanto ao convite de Igor Soares, o prefeito de Barueri não se manifestou por enquanto. Na tribuna da Câmara, Furlan disse que deseja ser um homem íntegro porque quando deixar a prefeitura quer receber o amor e carinho do povo. “Esse é meu maior patrimônio, ser respeitado. Não tem dinheiro que pague”.  

Para encerrar sua fala, Furlan foi mais Furlan que nunca. Sorrindo disse que “não é muito adepto de leitura mas que, o livro com sua trajetória de vida politica, iria ler” e completou dizendo que “administra Barueri para ele mas deixa a população usar”. Como sempre reforça, o prefeito repetiu diversas vezes que viveu intensamente tudo e que valeu a pena.

Político carismático, ele faz jus ao “suculento orçamento” que tem em mãos e, em seus seis mandatos, colocou Barueri entre os municípios mais importantes do estado e do país. Com Saúde e Educação de primeiro mundo, dentre outras benfeitorias, como a geração de emprego por meio de política fiscal atrativa aos investidores.

Graciela Zabotto