Mulher improvisou lata com álcool em cima do fogão para cozinhar

As duas vítimas do incêndio, ontem, na rua David Jarawan, no Jardim Bussocaba, permanecem internadas.

A mãe, de 36 anos, teve 90% do corpo queimado e foi levada, pelo helicóptero Águia, a um hospital em São Paulo especializado em queimaduras.

Já o bebê, de apenas 7 meses, foi socorrido com 50% do corpo atingido pelas chamas. Ele está internado no Hospital Antônio Giglio, em Osasco.

A explosão foi causada pelo uso de álcool para cozinhar. Sem dinheiro para comprar gás, ela improvisou um lugar para aquecer o jantar. Usou tijolos e uma lata com produtos inflamáveis em cima do fogão.

As equipes médicas ainda não tinham emitido boletins sobre o estado de saúde de ambos até a postagem dessa matéria.

Da Redação