Itapevi anuncia dose de reforço para maiores de 18 anos

 Itapevi anuncia dose de reforço para maiores de 18 anos

Divulgação

A dose de reforço da vacina contra a Covid-19 já está sendo aplicada, em Itapevi, em todas as pessoas com mais de 18 anos de idade. A terceira dose deve ser aplicada após cinco meses da aplicação da segunda dose.

Na prática, todas as pessoas, independentemente da idade, que tomaram a segunda dose antes de 18 de junho, já podem tomar a dose de reforço agora em 18 de novembro.

As vacinas estão sendo aplicadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, com distribuição de senhas até as 15h, nos três postos fixos de Itapevi: Comunidade Kolping Cristo Rei (rua Brasília Abreu Alves, 33 – Nova Itapevi), Ginásio de Esportes (avenida Rubens Caramez, 1000A – Vila Aurora) e no Cemeb Jornalista João Valério de Paula Neto (rua Bambina Amirabile Chaluppe, 492, Amador Bueno), atendendo apenas pedestres.

O esquema drive-thru funciona exclusivamente no Parque da Cidade (rua Professor Dimarães Antônio Sandei, na Vila Nova Itapevi, ao lado do Estádio Municipal).

Dia D
No sábado (27), acontece mais um Dia D da vacinação contra a Covid-19, exclusivamente na Comunidade Kolping Cristo Rei, das 8h às 16h, em esquema misto: pedestre e drive thru, na Rua Brasília Abreu Alves, 33 – Nova Itapevi.

Fique atento ao calendário
Mesmo com a disponibilidade de vacinas, há pessoas que não tomaram a primeira dose ou que ainda não receberam a segunda dose. Por isso, a Prefeitura alerta para a importância de manter-se imunizado, medida que pode salvar a sua vida e a do próximo.

Seguindo o Plano Nacional de Imunizações (PNI), Itapevi conta, atualmente, com três vacinas (Coronavac, AstraZeneca/Oxford e Pfizer).

De modo geral, o intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina contra Covid-19 CoronaVac (Sinovac/BioNTech) é de 21 dias.

Maiores de 18 anos que tenham recebido a primeira dose da Pfizer/ BioNTech podem antecipar o intervalo de aplicação da segunda dose da vacina do mesmo fabricante contra a Covid-19 de oito semanas para 21 dias. A vacinação para os adolescentes segue com intervalo de oito semanas para doses da Pfizer.

Já o intervalo de aplicação da segunda dose da vacina AstraZeneca contra a Covid-19 é de oito semanas. Menores de 18 anos deverão estar, obrigatoriamente, acompanhados de pais ou responsáveis no momento da vacinação. Adolescentes com comorbidades, deficientes, gestantes e puérperas deverão apresentar laudo médico.

Quem não tomou nenhuma das doses e está no grupo apto para receber a vacina, é importante – além de apresentar RG e comprovante de endereço – realizar o pré-cadastro no site do Governo do Estado de São Paulo (www.vacinaja.sp.gov.br). As informações pedidas pelo portal são CPF, data de nascimento, nome da mãe, endereço, telefone para contato e e-mail.

Da Redação