• 02/12/2021

Morre Miguel de Oliveira campeão mundial de boxe

 Morre Miguel de Oliveira campeão mundial de boxe

Divulgação

Faleceu nesta sexta-feira (15), em uma enfermaria de um hospital particular de São Paulo, o ex-pugilista Miguel de Oliveira, aos 74 anos, vítima de um câncer no pâncreas. Miguel foi o segundo brasileiro a ser campeão mundial da modalidade. Ele descobriu a doença há cerca de três meses.

Em 1975, quando conquistou o Mundial na categoria dos médios-ligeiros, Miguel era morador do Jardim Cipava, em Osasco, onde morou até o fim de sua vida. Francisco Rossi, prefeito da cidade na época do título, lamentou a morte do campeão e amigo.

“Nosso querido campeão mundial de boxe descansou. Fica a saudades do querido Miguel de Oliveira que me visitou há menos de quatro meses, como estivesse se despedindo. Lutou bravamente contra um câncer no pâncreas. O esporte e o Brasil perderam um campeão, mas eu perdi um amigo”, disse emocionado.

Outras personalidades do mundo do boxe também se manifestaram. Lino Barros, medalha de prata no Pan-Americano de 1999 em Winnipeg e que por muitos anos defendeu Osasco em jogos Regionais e Abertos do Interior falou da sua convivência com Miguel de Oliveira

“O Miguel era uma pessoa muito observadora. De pouca conversa no meio da modalidade, mas quando ele falava eram sempre palavras de incentivo e de motivação para quem estava iniciando, como eu na época. Fiz alguns treinos com ele, e realmente ele fará muita falta pela postura dele”, relembrou com carinho.

“É um grande baque receber essa notícia, saber que infelizmente um grande lutador que marcou a história se foi é muito triste. Mas ele fica sempre presente em nossas memórias e nossos corações, servirá sempre de inspiração para todos nós, principalmente boxeadores, tive o grande prazer de conhece-lo, uma pessoa mega humilde, que por onde passava transmitia uma energia maravilhosa, um verdadeiro orgulho pra nossa nação”, escreveu a jovem pugilista Duda Ramos, de apenas 15 anos.