Natália Deodato é acusada de roubo em hotel no México e aponta racismo

 Natália Deodato é acusada de roubo em hotel no México e aponta racismo

Reprodução/Instagram

A noite de quinta-feira, 03 de junho, não foi das melhores para Natália Deodato. A ex-BBB22, que está no México a trabalho, contou uma triste situação que viveu durante sua viagem. Nat está no país cumprindo seu primeiro compromisso internacional.

Abalada e com lágrimas nos olhos, a mineira contou que foi acusada de roubo por um hóspede no hotel onde estava. Ela havia encontrado uma bolsa no saguão e entregou na recepção.

“Eu estava no saguão e tinha uma bolsa jogada no saguão e eu peguei com a pontinha da mão e fui levar para o moço da recepção”, iniciou ela.

“Quando cheguei lá tinha um moço e ele começou a gritar falando em outra língua. Eu deixei a bolsa, disse que estava jogada no chão sem ninguém e entreguei. Ele me disse que o cara era o dono. Ele (o dono) começou a gritar comigo e o pior de tudo: porque eu sou preta”, afirmou a modelo.

Natainda destacou em seu desabafo que pediu que a pessoa abrisse a bolsa: “Ele falou que eu tinha pegado, como se eu precisasse pegar as coisas de alguém. Eu falei: pode abrir, vê se aconteceu. Ele abriu e viu que não tinha sumido nada. Ele continuou me acusando. Nunca precisei passar por isso”, continuou.

A ex-sister relatou outra situação em que foi impedida de sentar à mesa em um restaurante mexicano e atribuiu também a questão racial.

“É f***. Muito f***. Ainda bem que estou aqui com pessoas maravilhosas”, finalizou. (com ofuxico.com.br)

Da Redação