3 de março de 2024 23:05

Você viu isso? Motoristas saem na porrada na marginal da Raposo
Pré-candidata da extrema-direita diz que constrói base conservadora forte em Osasco
Você viu isso? Homem com facão agride duas pessoas no Calçadão de Osasco
PT realiza plenária para definir plano de governo de Emidio de Souza
Homem perde controle, estoura vidro de cartório e fere funcionária de forma grave
Reforma da rodoviária de Osasco deve começar em 70 dias

3 de março de 2024 23:05

Você viu isso? Motoristas saem na porrada na marginal da Raposo
Pré-candidata da extrema-direita diz que constrói base conservadora forte em Osasco
Você viu isso? Homem com facão agride duas pessoas no Calçadão de Osasco
PT realiza plenária para definir plano de governo de Emidio de Souza
Homem perde controle, estoura vidro de cartório e fere funcionária de forma grave
Reforma da rodoviária de Osasco deve começar em 70 dias
Área invadida pelo MTST vai receber 1200 imóveis do Minha Casa Minha Vida

Divulgação

Da redação     -
01 de fevereiro de 2024

O prefeito Rogério Lins anunciou, nesta terça-feira (30), que comprou a área invadida pelo MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) no dia 20 de janeiro em Osasco.

As 600 famílias, que chegaram de madrugada em 10 ônibus, não conseguiram montar acampamento porque uma ação rápida da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal impediu a ocupação.

O secretário municipal da Habitação, Pedro Sotero, intermediou a negociação com o proprietário do terreno que fica na rua Guilherme Luís de Carvalho, na Vila Menck, Zona Norte.

No local serão construída 1200 casas pelo Minha Casa Minha Vida para atender famílias que se enquadram na faixa 2 do programa custeado pelo governo federal.

Lins garantiu que uma área de lazer também será construída próximo ao futuro conjunto habitacional.

Fotos: