21 de maio de 2024 04:48

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança

21 de maio de 2024 04:48

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança
Carro bate em outro que perde o controle de direção e entra em portão de residência

Divulgação

Da redação     -
22 de abril de 2024

Na noite de domingo (21), mais um acidente aconteceu na Estrada do Jacarandá, próximo a um depósito de materiais de construção, em Carapicuíba.

Segundo imagens de uma câmera de segurança, o condutor de um veículo teria invadido a contramão, colidindo com outro carro que seguia em sentido oposto.

O impacto causou a perda de controle do primeiro veículo, que acabou colidindo com o portão de uma residência.

Felizmente, o acidente não resultou em feridos. No entanto, a ocorrência reforça a preocupação dos moradores da região com a segurança no local.

Nos últimos dois meses, diversos acidentes foram registrados na Estrada do Jacarandá, envolvendo carros, motociclistas e até mesmo ciclistas.

Moradores cobram medidas das autoridades

A série de acidentes na Estrada do Jacarandá tem gerado grande apreensão entre os moradores da região. Muitos temem que a falta de medidas de segurança possa resultar em tragédias.

“É muito perigoso passar por aqui”, afirma uma moradora que prefere não se identificar. “Já presenciei vários acidentes, e é questão de tempo para alguém se machucar gravemente.”

Outro morador ressalta a necessidade de ações imediatas por parte das autoridades. “Precisamos de mais sinalização, redutores de velocidade e até mesmo de uma blitz constante”, sugere.