24 de maio de 2024 18:00

Cajamar faz Expo Emprego com maior oferta de vagas da história da Região Metropolitana
Emidio diz que “escola não é quartel” sobre escola cívico-militar
DEIC "estoura" mega galpão com peças de carro sem nota fiscal em Osasco
UBS do Munhoz será transformada em Pronto-Atendimento 24 horas
Projeto que substitui sinais sonoros nas escolas é aprovado em Osasco
Cemitério dos Girassóis será reformado e vai ganhar 4 mil jazigos

24 de maio de 2024 18:00

Cajamar faz Expo Emprego com maior oferta de vagas da história da Região Metropolitana
Emidio diz que “escola não é quartel” sobre escola cívico-militar
DEIC "estoura" mega galpão com peças de carro sem nota fiscal em Osasco
UBS do Munhoz será transformada em Pronto-Atendimento 24 horas
Projeto que substitui sinais sonoros nas escolas é aprovado em Osasco
Cemitério dos Girassóis será reformado e vai ganhar 4 mil jazigos
Cliente expulso de padaria, e preso pela PF, ostenta vida de luxo nas redes sociais

Divulgação

Da redação     -
01 de março de 2024

Cliente expulso de padaria, e preso pela PF, ostenta vida de luxo nas redes sociais

Há um mês, o empresário Allan Barros, de 32 anos, que vivia em Dubai, nos Emirados Árabes, “roubou a cena” nas redes sociais.

Um vídeo dele sendo expulso de uma padaria, em Barueri, porque usava notebook no local, viralizou.

Anteontem, a prisão de Allan Barros, pela Polícia Federal, voltou a bombar na internet.

Allan é investigado por integrar uma provável organização criminosa especializada em negociar cripto moedas.

Um golpe que, se comprovado, prejudicou mais de 20 mil investidores e desviou R$ 100 milhões no Brasil e exterior.

Nas redes sociais, Allan Barros ostenta uma vida de luxo, desfilando em carrões, moto aquáticas e viajando pelo mundo.

Fotos: