21 de maio de 2024 09:28

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança

21 de maio de 2024 09:28

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança
Igor e Furlan devem ‘nadar de braçada’ nestas eleições

(Divulgação)

Mari Magdesian    -
12 de novembro de 2020

Os prefeitos Rubens Furlan e Igor Soares, de Barueri e Itapevi, respectivamente, devem ser reeleitos com facilidade nestas eleições. Furlan deve ir para seu sexto mandato como prefeito e pesquisa de intenção de voto, publicada pelo Diário da Região, apontou que o prefeito tem 70% do eleitorado a seu favor. Nas últimas eleições, ele ficou entre os mais bem votados do Brasil e, quatro anos depois, continua “caindo na graça do eleitor” e deve, novamente, fazer bonito diante das urnas. Para desespero de seus adversários, dentre eles Mari Tavelli, Júlio Leal e Reinaldo Monteiro que engrossam a fila dos que desejam colocar um fim no que eles chamam de oligarquia em Barueri. Segundo eles, o mesmo grupo político governa a cidade há 37 anos. No próximo domingo, as urnas irão mostrar se a população deseja, ou não, alternar o líder no poder.

Caso o resultado da pesquisa se confirme, o reinado dos Furlan com os eleitores deve continuar por, no mínimo, mais quatro anos. Isso de forma pessimista. Para um bom observador, aliás, nem precisa ser tão observador assim, a permanência dos Furlan no poder deve se estender para além do próximo mandato. Rubinho e Bruna, filhos do prefeito, devem ser os nomes nas cédulas eleitorais quando Furlan se aposentar. Bruna já é deputada federal e está em seu terceiro mandato em Brasília e sempre com votação expressiva. Já Rubinho é marinheiro de primeira viagem, mas o ditado já diz: “filho de peixe, peixinho é”. Logo, não está descartado que ele “herde” a cidade 3.3 como definem os adversários se referindo ao orçamento municipal de mais de R$ 3 bilhões para 270 mil habitantes. Quem não quer isso? Um município pequeno com um orçamento bilionário.

Mas, se em Barueri, Furlan reina quase absoluto, na região ele corre o risco de ter que dividir a fama de “queridinho do povo” com outro prefeito, Igor Soares, de Itapevi. A reeleição de Igor deve ser uma das mais estrondosas deste pleito. Ele é quase unanimidade na cidade. Até moradores de municípios vizinhos admiram seu trabalho. Diferente de Furlan, o prefeito de Itapevi administra uma cidade com poucos recursos e, mesmo assim, é considerado um excelente gestor. Mudou a cara de Itapevi. Há quem diga que Igor deva ser reeleger com mais de 90% dos votos válidos. O domingo está chegando e com ele a confirmação se essa matéria foi “exagerada ou pura realidade”.