20 de julho de 2024 00:01

Bandido assalta mesma farmácia pela segunda vez
Gari que se veste de "bailarina" vai disputar para vereador em Itapevi
Shopping Central Park abre as portas às 12h do dia 25
Tarcísio vai gastar R$ 7,2 milhões com policiais em apenas 100 escolas cívico-militares
PM prende funcionária de lava-rápido condenada por homicídio até 2040
Terremoto no Chile causa tremor em 5 prédios de Cajamar

20 de julho de 2024 00:01

Bandido assalta mesma farmácia pela segunda vez
Gari que se veste de "bailarina" vai disputar para vereador em Itapevi
Shopping Central Park abre as portas às 12h do dia 25
Tarcísio vai gastar R$ 7,2 milhões com policiais em apenas 100 escolas cívico-militares
PM prende funcionária de lava-rápido condenada por homicídio até 2040
Terremoto no Chile causa tremor em 5 prédios de Cajamar
Instituto Federal de Osasco será no antigo prédio da Unifesp

Divulgação

Da redação     -
05 de julho de 2024

O prefeito Rogério Lins confirmou, nesta quinta-feira (4), que o futuro Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Osasco irá funcionar no antigo prédio da Unifesp (Universidade Federal do Estado de São Paulo) na Jardim das Flores.

Nesta sexta-feira (5), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugurou a sede própria da Universidade Federal de Osasco em Quitaúna. Liberando assim o prédio no Jardim das Flores.

Na região Oeste da Grande São Paulo, três cidades foram escolhidas pelo Governo Federal para receber a instalação de Institutos Federais: Carapicuíba, Cotia e Osasco.

Conforme o Governo Federal, a iniciativa vai gerar 140 mil novas vagas no Brasil, a maioria em cursos técnicos integrados ao ensino médio.

A verba será viabilizada por meio do Novo PAC (Programa de Aceleração ao Crescimento). Serão investidos R$ 3,9 bilhões em obras. Desse total, R$ 2,5 bilhões são para criar novos campi e R$ 1,4 bilhão para consolidar unidades já existentes, com a construção de refeitórios, ginásios, bibliotecas, salas de aula e aquisição de equipamentos.

Ao todo, 12 cidades do Estado de São Paulo foram contempladas. Além de Osasco, Cotia e Carapicuíba, também receberão Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia os municípios de Diadema, Franco da Rocha, Mauá, Ribeirão Preto, Santos, São Paulo (um no Jardim Ângela e e outro na Cidade Tiradentes), São Vicente e Sumaré.

O que é um Instituto Federal

Especializado na área de educação profissional e tecnológica pública, o IFSP vai apoiar a formação de profissionais especialistas em nível superior, impulsionando a geração de renda e o desenvolvimento sustentável das regiões atendidas.

Impacto

O objetivo da nova expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica é aumentar a oferta de vagas na educação profissional e tecnológica (EPT) e criar oportunidades para jovens e adultos, especialmente os mais vulneráveis.

Os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs) oferecem cursos gratuitos de qualificação profissional, técnicos e de graduação e pós-graduação.