19 de julho de 2024 23:52

Bandido assalta mesma farmácia pela segunda vez
Gari que se veste de "bailarina" vai disputar para vereador em Itapevi
Shopping Central Park abre as portas às 12h do dia 25
Tarcísio vai gastar R$ 7,2 milhões com policiais em apenas 100 escolas cívico-militares
PM prende funcionária de lava-rápido condenada por homicídio até 2040
Terremoto no Chile causa tremor em 5 prédios de Cajamar

19 de julho de 2024 23:52

Bandido assalta mesma farmácia pela segunda vez
Gari que se veste de "bailarina" vai disputar para vereador em Itapevi
Shopping Central Park abre as portas às 12h do dia 25
Tarcísio vai gastar R$ 7,2 milhões com policiais em apenas 100 escolas cívico-militares
PM prende funcionária de lava-rápido condenada por homicídio até 2040
Terremoto no Chile causa tremor em 5 prédios de Cajamar
Justiça Eleitoral manda apreender material de campanha de Barufi

(Divulgação)

Da redação     -
13 de outubro de 2020

A juíza eleitoral Juliana Moraes Corregiari Bel determinou a busca e apreensão do material de campanha do atual prefeito de Jandira, Paulo Barufi (PTB), que concorre à reeleição.

A Justiça Eleitoral acatou representação movida pelo escritório BNZ Advogados, contratado por doutor Sato, adversário de Barufi na disputa pela prefeitura.

A defesa de Sato alegou que Barufi estaria usando propaganda vedada pela legislação, como placas em formato pirulito e distribuindo material de campanha dentro de estabelecimentos comerciais.

A multa foi estipulada em R$ 10 mil por dia caso haja descumprimento da ordem judicial e mais R$ 5 mil, por dia, se Barufi não recolhesse, em 24 horas, as “placas pirulito”.

A assessoria da prefeitura disse que Barufi, após receber a notificação da Justiça Eleitoral, prontamente acatou a determinação.