15 de junho de 2024 11:55

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi

15 de junho de 2024 11:55

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi
Lins garante maioria na Câmara e base deve contar com 17 vereadores

foto: Caio Henrique

dev    -
16 de novembro de 2020

O prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos), reeleito com 60,94% dos votos válidos, também garantiu, nestas eleições, ampla maioria na Câmara Municipal. Dos 21 vereadores 17 pertencem a partidos que coligaram com Lins na disputa pela prefeitura e devem compor a base de apoio no Legislativo. O PSD elegeu Ribamar e Josias da Juco, Já o PL confirmou dois parlamentares: Ana Paula Rossi, presidente do partido, o vereador Rogério Santos também foi reeleito. Batista Comunidade que já é da base deve manter o Avante na linha de frente de Lins. O DEM traz o vereador reeleito Cláudio da Locadora que já era da base.

O PP é representado pelos novatos Fábio Chirinham e Paulo Junior. O Patriotas também elegeu dois: Michel Figueiredo e Zé Carlos do Santa Maria. Para encerrar o Podemos fez bonito diante das urnas e emplacou três parlamentares Lúcia da Saúde, Carmônio Bastos, que já foi secretário de Lins; e Ni da Pizzaria, que já é da base na Câmara.

O PDT, que na atual legislatura tem Régia Sarmento como oposição de Lins, elegeu Adauto Tô Tô, que muito provavelmente deve integrar a base do prefeito, isso porque o PDT apoiou sua reeleição e está na coligação. O MDB, que também está com o prefeito reeleito, é representado pelo Pelé da Cândida, enquanto Emerson Osasco é da Rede Sustentabilidade. Já o PSB elegeu Julião.

Como diz o ditado popular “Lins fez barba e cabelo”. As maiores bancadas da Câmara serão as do Podemos (com três vereadores), PL (com dois), Patriotas (com dois vereadores) e PP (também com dois parlamentares).

Por outro lado, Lins deve encarar uma oposição ferrenha no poder Legislativo. O Republicanos, partido de doutor Lindoso, seu principal oponente na corrida pela prefeitura, fez três vereadores: reelegeu Ralfi Silva e elegeu dois novatos: Joel Nunes e Pra. Cristiane Celegato. Para encerrar a bancada de oposição o PSol elegeu Juliana da Ativoz – o partido concorreu à prefeitura com Simony dos Anjos.

TABELA TABELA TABELA TABELA

BANCADAS

PSD – Ribamar e Josias da Juco

PL – Ana Paula Rossi e Rogério Santos

Avante – Batista Comunidade

Podemos – Lúcia da Saúde, Carmônio Bastos e Ni da Pizzaria

DEM – Cláudio da Locadora

Patriota – Michel Figueiredo e Zé Carlos do Santa Maria

PP – Fábio Chirinham e Paulo Junior

PDT – Adauto Tô Tô

REDE – Emerson Osasco

MDB – Pelé da Cândida

PSB – Julião

PSOL – Juliana da Ativoz

Republicanos – Ralfi, Joel Nunes ePra. Cristiane Celegato