18 de julho de 2024 12:08

Primeiro "ponto de ônibus digital" está em fase de teste em Osasco
Santana de Parnaíba inicia comemorações ao dia de Santa Ana
Água jorra a 5m de altura após rompimento de adutora
Motorista larga ônibus com passageiros na Raposo Tavares e vai para casa
Cães sem água e sem comida há dias são resgatados em Osasco
Prefeitura de Osasco faz testagem de hepatites B e C

18 de julho de 2024 12:08

Primeiro "ponto de ônibus digital" está em fase de teste em Osasco
Santana de Parnaíba inicia comemorações ao dia de Santa Ana
Água jorra a 5m de altura após rompimento de adutora
Motorista larga ônibus com passageiros na Raposo Tavares e vai para casa
Cães sem água e sem comida há dias são resgatados em Osasco
Prefeitura de Osasco faz testagem de hepatites B e C
‘Nosso Futuro’ vai injetar R$ 114 milhões por ano na economia de Osasco

Divulgação

Da redação     -
08 de outubro de 2021

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, divulgou essa semana o perfil de quem poderá fazer parte do Programa Nosso Futuro que irá pagar entre R$ 100 e R$ 225 para mais de 23 mil famílias vulneráveis. A estimativa é de que o programa tenha um custo mensal de R$ 5,3 milhões.

O programa possibilitará a geração de emprego e renda e trará uma injeção na economia local de R$ 114 milhões por ano, segundo estudo feito pelo IPEA. “Ou seja, a cada R$ 1 investido, o retorno na economia do município será de R$ 1,78”, destacou a prefeitura.

O Programa Nosso Futuro está em fase de elaboração, viabilização do cartão de benefícios e definição do comitê gestor. Assim que concluída essa etapa, o projeto de lei será enviado à Câmara Municipal para apreciação dos vereadores. Caso seja aprovado, o programa poderá entrar em vigor ainda esse ano. 

O programa beneficiará famílias com crianças e adolescentes de zero a 17 anos inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) que tenham renda per capita de até meio salário-mínimo.  

Para garantir o benefício, os responsáveis deverão seguir alguns critérios obrigatórios, como:

•          as crianças deverão ter frequência escolar mínima obrigatória,

•          ter acompanhamento de saúde, 

•          Acompanhamento pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS),

•          Acompanhamento ostensivo com o Conselho Tutelar contra o Trabalho Infantil,

•          Os responsáveis deverão fazer busca de vagas de emprego e qualificação profissional, 

•          Não participar de nenhum outro Programa de Transferência de Renda Municipal (Programa Recomeçar, Bolsa Trabalho etc.) 

Os valores variam conforme a renda e condição das famílias, conforme descrito abaixo: 

Famílias com núcleo familiar completo e renda per capita entre R$ 178,00 e R$ 550,00 receberão o benefício de R$ 100,00 mensais. 

Famílias com núcleo familiar completo e renda per capita entre R$ 89,00 e R$ 178,00 receberão R$ 120,00.

Famílias com núcleo familiar completo e renda per capita abaixo de R$ 89,00 receberão R$ 150,00 mensais.  

Famílias monoparentais chefiadas por mulheres e/ ou PCD com renda familiar per capita entre R$ 178,00 e R$ 550,00 receberão R$ 150,00 mensais.  

Famílias monoparentais chefiadas por mulheres e/ ou PCD com renda familiar per capita entre R$ 89,00 a R$178,00 receberão R$ 180,00.  

Famílias monoparentais chefiadas por mulheres e/ ou PCD com renda familiar per capita abaixo de R$ 89,00 terão um benefício no valor de R$ 225,00.