23 de maio de 2024 21:35

Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores
Osasco inicia semana que vem construção da Escola do Futuro
AtivOz explica o que é escola cívico-militar e repudia violência na votação
Sequestradores mandaram padre urinar e defecar na calça
Mulher grávida de 4 meses participou de sequestro de padre em Osasco
Polícia estoura cativeiro e liberta padre em Osasco

23 de maio de 2024 21:35

Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores
Osasco inicia semana que vem construção da Escola do Futuro
AtivOz explica o que é escola cívico-militar e repudia violência na votação
Sequestradores mandaram padre urinar e defecar na calça
Mulher grávida de 4 meses participou de sequestro de padre em Osasco
Polícia estoura cativeiro e liberta padre em Osasco
Nuvem de fumaça ainda afeta vizinhança de galpão que pegou fogo

(Divulgação)

Mari Magdesian    -
22 de setembro de 2020

Quem passa pelo km 28 da rodovia Raposo Tavares, em Cotia, ainda sente o cheiro de fumaça decorrente do incêndio no sábado de um galpão de bobinas de papelão e plástico. Uma das docas atingidas tinha produtos para festas.

No final da tarde de domingo uma nuvem de fumaça encobria o céu. O cheiro incomoda quem passa e afeta a rotina dos moradores ao redor do galpão.

No sábado, o incêndio que destruiu completamente a empresa de armazenamento começou por volta das 18 horas e exigiu a presença de mais de 27 viaturas do Corpo de Bombeiros, mobilizando 80 homens.

Os bombeiros vararam a madrugada tentando conter o fogo e 24 horas após ainda apagam pequenas chamas que persistiam dentro do galpão.

O tráfego a Raposo Tavares já voltou ao normal. A vida da vizinhança ainda não. O cheiro de fumaça continua insuportável.

Todas as docas do galpão foram atingidas pelas chamas. A causa do fogo ainda é desconhecida. Da empresa só sobraram ruínas. Não há vítimas.