17 de junho de 2024 10:11

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi

17 de junho de 2024 10:11

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi
Osasco prevê arrecadação de R$ 5,4 bilhões para 2025

Divulgação

Da redação     -
29 de maio de 2024

A Prefeitura de Osasco prevê arrecadar R$ 5,4 bilhões para 2025. A projeção foi divulgada durante audiência pública realizada pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) sobre a da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do próximo ano. Encontro aconteceu na segunda-feira (27), na sala Luiz Roberto Claudino (antiga Sala Osasco).

Participaram da audiência o secretário da Pasta, Eder Máximo, técnicos do Planejamento e da Secretaria de Finanças e de outras áreas da Administração, e representantes de entidades civis e organizações sociais.

A LDO estabelece as diretrizes para a confecção da Lei Orçamentária Anual (LOA) para o próximo ano com suas estimativas de receitas e despesas. A cidade estima arrecadar cerca de R$ 5,4 bilhões no próximo ano.

Para Eder Máximo, a participação da sociedade nas discussões da LDO é fundamental. “É essencial, porque é a população que vive a realidade da cidade. É ela que nos ajuda a apontar os caminhos sobre onde e como a administração deve aplicar os recursos públicos”, disse o secretário.

Na LDO estão previstas, entre outras ações, investimentos na construção de uma ponte que partirá do trecho final da avenida Brasil, no cruzamento com a Tranversal Norte, no Jardim Piratininga, passando por baixo da rodovia Castelo Branco e, na sequência, por cima da linha do trem. Será a terceira ponte de transposição do Tietê/linha férrea, que facilitará a ligação entre a Zona Norte, Centro e Zona Sul do município.

O documento prevê ainda a construção de uma CEMEI no Jardim Mutinga, moradias populares no Morro do Sabão, reforma de 10 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), e construção de três unidades da Escola do Futuro, uma no Jardim D’Ávila, outra no Jardim Primeiro de Maio, e a terceira no Rochdale.

Após a elaboração da peça orçamentária, ela deve ser enviada até o final de setembro para apreciação e votação na Câmara Municipal.

A LDO funciona como uma espécie de prévia da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), documento final que prevê arrecadação e despesas para o ano seguinte.

 

Fotos: